Arquivo da tag: premiação

Madonna e Taylor Swift juntas em GHOSTTOWN no iHeart Music Awards

madonna e taylor iheart music awards 2015 3

Madonna e e Taylor Swift estiveram juntas na noite deste domingo 29 na premiação iHeart Music Awards. A rainha do pop performou o single GHOSTTOWN, do novo álbum REBEL HEART, e Taylor a acompanhou no violão.

Logo após, Madonna voltou ao palco e entregou o prêmio “Música do Ano” para o hit SHAKE IT OF, de Taylor.  Assista ao vídeo!

Continue lendo Madonna e Taylor Swift juntas em GHOSTTOWN no iHeart Music Awards

Quase certo: Madonna abrirá e fechará o Brit Awards 2015 com medley

madonna brit awards 2015 living for love grammy

A dominação Madonna com álbum que será lançado em março “Rebel Heart” promete. Desde seus dois últimos lançamentos sem promoção em TV (álbum MDNA (2012) e Hard Candy (2008), parece que o mesmo não acontecerá com “Rebel Heart”. Madonna deixará o seu império para alguém cuidar e cairá em tournê promocional em premiações e talk-shows antes de sair em tour mundial.

Está 99% confirmado de que ela se apresentará no Brit Awards 2015 – a maior premiação britânica. A última vez que Madonna esteve por lá foi em 1995 quando cantou o single “Bedtime Story”, 20 anos atrás. Assista ao vídeo:

Madonna, além de abrir a premiação com o single “Living For Love”, a produção do evento negocia com a rainha do pop o fechamento da cerimônia com a apresentação de um megamix (or Madge-a-mix). A premiação acontece no dia 25 de fevereiro e contará com performances de Taylor Swift, Ed Sheeran e Sam Smith.

Madonna apresentará o single de “Living For Love”, primeiro do novo álbum, no dia 09 de fevereiro, no Grammy Awards.

Madonna, a cantora de casamentos, se apresenta enquanto 33 casais gays e héteros se unem no Grammy…e Katy Perry pega o buquê

Madonna no Grammy 2014

Madonna cantou Open Your Heart no Grammy ontem (26/01), após Queen Latifah oficializar o grande casamento de 33 casais gays e héteros, durante a performance de Macklemore & Ryan Lewis para Same Love, que se tornou hino de igualdade matrimonial. A própria irmã de Lewis, Laura, estava no casamento.

Em uma reviravolta chocante, a popstar Katy Perry pegou o buquê jogado ao público. Sem dúvida, rumores quentes do casamento dela com John Mayer.

Com um vestido de noite brilhante, Queen Latifah estava radiante, ao apresentar a dupla no Staples Center, em Los Angeles. O palco estava decorado com luzes neon que ecoaram arquitetura, e vitrais manchados, comumente vistos em igrejas.

Macklemore vestiu um terno de veludo com gravata, juntamente com a vocalista Mary Lambert, usando um longo e brilhante vestido vermelho, que se apresentou com ele, assim como Trombone Shorty. O produtor Ryan Lewis se manteve introspectivo, no fundo do palco.

Queen Latifah atuou como sacerdotisa dos casais durante a performance. Eles ficaram de pé em plataformas longe do palco, em uma variedade de trajes formais e casuais, enquanto trocavam alianças.


Um dos casais incluiu Spencer Stout e Dustin Reeser, cujo pedido de casamento se tornou viral. Eles planejam uma cerimônia ao longo da semana para familiares e amigos.

Madonna logo se uniu aos artistas no palco, cantando Open Your Heart. Os casais dançaram com a música, enquanto um coral gospel cantava.

Os recém-casados andavam pelo salão, saindo do palco, quando Mary Lambert se juntou a Madonna para um dueto. O cantor country Keith Urban também foi visto com lágrimas nos olhos durante a performance.

Celebridades-fãs da performance incluíam Neil Patrick Harris e Ellen DeGeneres no Twitter. Patrick Harris escreveu: “Meu rosto doi de tanto sorrir. Essa foi uma das coisas mais legais que já pude ver. Muito, muito amor. Muito bem, Grammy!”.

DeGeneres tuitou: “#SameLove foi incrível. Amor para @Macklemore, @RyanLewis, @MaryLambertSing, @Madonna & @IAmQueenLatifah por uma linda performance no #GRAMMY”.

Outros usuários do Twitter expressaram seu apoio. Um deles escreveu: “Jamais deixaria de contar às pessoas que Beyoncé e Jay-Z estiveram em meu casamento. #GRAMMY”.

Outros criticaram a performance. Antes do evento, Billy Hallowell, do site de notícias TheBlaze, tuitou: “Por que o evento não pode ser apenas sobre a música? Cansado de mensagens políticas e sociais sendo derramadas em tudo”.

O especialista conservador Todd Starnes, que já apareceu na Fox News, também tuitou: “O Grammy vai tirar sarro dos casamentos hoje à noite”. Uma reportagem anterior do New York Times anunciou que 34 casais gays, héteros e interraciais – incluindo a irmã de Lewis e o namorado dela – trocariam votos.

Para Macklemore & Ryan Lewis, cuja música Same Love concorria a Música do Ano, o evento se tornou pessoal com a participação da irmã Laura, que casou com o namorado durante a cerimônia. “Uma noite que já é tremenda para mim, para a música”, o Times citou, “mas ter minha irmã se casando e minha família aqui assistindo – isso torna tudo mais incrível ainda”.

Lewis também disse que os casamentos “serão em nossas mentes a maior afirmação de igualdade, que todos os casais têm direito à mesma coisa”.

O ensaio do casamento aconteceu no sábado, quando os casais caminharam pelo salão próximo ao palco. O produtor Ken Ehrlich afirmou que levar os casais ao palco “poderia ser visto como muita exploração”. “Pareceria menos ‘show’ do que se eu os levasse ao palco”, Ehrlich explicou. “Não quero que eles se sintam em uma parada gay”, ele contou ao The New York Times.

A ideia dos casamentos surgiu na primavera passada, quando o Sr. Ehrlich sentou com Macklemore & Ryan Lewis para almoçar e ter ideias de uma possível performance. Sabendo que os shows deles já apresentavam pedidos de casamento no palco, o Sr. Ehrlich sugeriu levar à frente com um casamento completo.

A banda adorou a ideia, então uma agência foi contratada para achar os casais, que, primeiramente, souberam que a cerimônia estaria ao vivo na TV. Os casais assinaram acordos de confidencialidade, prometendo não contar nem às famílias.

Defendendo a montagem do multi-casamento dos críticos contra a cerimônia no Grammy, o presidente da National Academy of Recording Arts and Sciences, Neil Portnoy, afirmou: “Espero que pessoas com todos os tipos de opiniões as expressem, isso é saudável, mas não precisamos nos rebaixar ao ponto de tentar fazer truques e abordagens sensacionalistas no que fazemos”.

Antes do evento, o grupo venceu as categorias de Artista Revelação, Melhor Álbum de Rap, Melhor Performance de Rap, e Melhor Canção de Rap.

Assista ao vídeo da apresentação:

VEJA FOTOS DE MADONNA NA PREMIAÇÃO EM NOSSO FACEBOOK

Madonna no Grammy: Dueto de Madonna com Macklemore terá casamento coletivo

Madonna in Concert - Las VegasCom participação já confirmada no Grammy deste domingo (26), Madonna irá fazer um dueto com a dupla de rap Macklemore & Ryan Lewis, que está entre os principais indicados da noite. A rainha pop irá se juntar aos dois para cantar a música “Same Love”. E o dueto será lembrado na história do Grammy por um evento inédito: um casamento ao vivo de 34 casais de diferentes orientações sexuais e raças.

“[Os casamentos] serão, na nossa mente, a declaração máxima de igualdade, de que todos os casais têm direito à exatamente a mesma coisa”, disse Ryan Lewis em entrevista ao jornal “The New York Times”.

A produção do Grammy também confirmou a informação à publicação. “Nós estamos sendo muito sérios em relação a isso”, garantiu o produtor Ken Ehrlich, que está à frente do Grammy há vários anos.

A responsável por celebrar o casamento coletivo será a atriz e comediante Queen Latifah. E entre os noivos, estará Laura, irmã de Ryan Lewis, que já estava noiva de seu namorado, Alex. “A noite já é gigante para mim, pela música, mas ver minha irmã se casando e minha família acompanhando, isso torna tudo ainda mais incrível”, disse Ryan.

No último sábado, houve um ensaio do casamento, no qual os noivos caminharam pelos corredores enquanto os produtores testavam o som e a iluminação. De acordo com o “New York Times”, muitos executivos e membros da equipe da premiação se emocionaram.

Os casais serão posicionados em corredores na frente do palco, onde poderão ficar mais próximos ao público. Segundo Ken Ehrlich, ele achou que colocar os noivos no palco “poderia ser visto como apelativo”. “Pareceria menos um show do que se eu os pusesse no palco. Não quero que eles se sintam como se estivessem em um desfile”, completou.

A ideia do casamento veio do próprio Ehrlich, que, sabendo do costume de Macklemore e Ryan darem espaço à pedidos de casamento em seus shows, sugeriu que eles dessem um passo adiante e fizessem um casamento inteiro no palco.

Os artistas aceitaram e, depois disso, uma agência se encarregou de encontrar os casais, que souberam apenas que fariam parte de uma cerimônia que seria exibida na televisão. Os casais assinaram rigorosos acordos de confidencialidade e só souberam nas últimas semanas que apareceriam nos Grammys.

“Same Love” e Madonna
Hit de 2013, “Same Love”, de Macklemore e Lewis, concorre na categoria Canção do Ano. A música é um hino em favor da igualdade e da aceitação do casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Macklemore & Ryan Lewis estão indicados em sete categorias do Grammy 2014, incluindo Álbum do Ano, por “The Heist”; Artista Revelação; e Melhor Performance de Rap.

Madonna confirmou sua participação no Grammy na última sexta, por meio de seu Instagram. “É oficial! Larguei minhas muletas e estou procurando o salto alro perfeito para usar no Grammy #instagrammy”, escreveu ela.

“Same Love” conta originalmente com a voz feminina da cantora e compositora Mary Lambert, que faz uma participação. Ela também estará na apresentação do Grammy, descartando assim a possibilidade de que sua voz fosse substituída pela de Madonna. A diva do pop, ícone da comunidade LGBT, será uma adição à música.

No Brasil, a premiação será transmitida ao vivo a partir das 23h pelo canal TNT.

Compositor de Madonna explica como Like A Prayer e outros sucessos foram criados

singlelibMadonna compõe suas próprias músicas? Sim, e não. Ela não compõe a melodia, com certeza. E agora que a Srta. Ciccone foi indicada ao Hall Of Fame de compositores, achei que seria interessante resolver a questão de uma vez.

Ontem à noite, conversei com Patrick Leonard, o grande compositor de sucessos Pop e, às vezes, até um compositor-fantasma para astros do Rock que precisam de ajuda para colocar o trabalho no papel. Leonard é um músico treinado, que pode tocar qualquer coisa. No telefone, de Amsterdã, onde ele está trabalhando com Leonard Cohen, Patrick tocou Like A Prayer pra mim em seções diferentes. Ele compôs a melodia deste sucesso, assim como de muitos outros sucessos de Madonna durante os dias de ouro nas paradas.

Patrick Leonard compôs a melodia de, entre outras: Like A Prayer, Cherish, True Blue, Live To Tell, La Isla Bonita, Frozen, Hanky Panky, Sky Fits Heaven, Nothing Really Matters, I’ll Remember, e Something To Remember.

Ele foi um dos produtores de Open Your Heart. Madonna escreveu a letra, disse Leonard, com ele, e ajudou a criar as melodias. Ele a considera uma amiga e mentora. “Ela me colocou no mapa”, ele disse.

“Sou grato. Sou uma daquelas pessoas nos bastidores”, disse Leonard. “Se ela (Madonna) não tivesse cantado essas músicas, ninguém as teria ouvido. Ela tornou possível para mim fazer o que faço agora”.

O processo deles era simples. Ele compunha a melodia e levava a Madonna. Ela ajudava com a letra e oferecia mudanças para a melodia combinar com ela. “Ela a refinava”, disse ele. “Você dá a faixa a ela, ela canta a melodia. Ela é muito talentosa”. Da colaboração deles, ele disse, “Um não existia sem o outro. Ela sempre aparecia e se envolvia. Na verdade, sinto falta dela”.

Eles não compõem juntos desde 1997. Ele gostaria de fazer de novo? “De forma alguma”, disse Leonard. “Ela compõe muito com DJs agora”.

Leonard foi creditado em todas as músicas que compôs com Madonna, incluindo o maior número de sucessos nos quais ela está creditada como co-compositora. Nenhuma foi creditada apenas a Madonna. E várias delas foram compostas apenas por outros, incluindo Holiday, Like A Virgin, Material Girl e Borderline.

Leonard me contou que não ligaria se Madonna entrasse no Hall Of Fame de compositores sem ele. Ele não acredita em prêmios, nem ao menos pendura seus discos de ouro. “Eles estão em um armário, em algum lugar”, disse. Ele apenas acredita em evoluções. Nesta semana, ele irá a Nova York para trabalhar com Roger Waters.

Roger Friedman
showbiz411.com

Madonna é indicada ao 2014 compositores ao Hall Of Fame

songwriters_hof_2013-770x437Madonna e Jimmy Page e Robert Plant, do Led Zeppelin estão entre os compositores deste ano indicados ao Hall Of Fame, juntamente com o líder do Kinks, Ray Davis, John Mellencamp, Ann e Nancy Wilson do Heart And Nile Rodgers, segundo a agência de notícias Associated Press. Sade, Cyndi Lauper e Linda Perry também concorrem ao prêmio de 2014.

Outros indicados neste ano incluem Jim Weatherly e William “Mickey” Stevenson na categoria “compositor sem performance”, e Dan Penn e Spooner Oldham por “composição em dupla”. O compositor de “Always on My Mind” Mark James também está entre os indicados, com Don Robertson, Graham Gouldman e Tony Macaulay.

Os vencedores do ano passado incluem Steven Tyler e Joe Perry, do Aerosmith, assim como Mick Jones e Lou Gramm, do Foreigner.

Os eleitores têm até o dia 16 de dezembro para escolher dois indicados da lista de performers e três, da lista de non-performers. A escolha dos compositores do Hall Of Fame 2014 acontecerá em Nova York, no hotel Marriott Marquis, em 12 de junho.

Madonna no GLAAD AWARDS 2013 – discurso e defesa a comunidade gay

madonna-glaad-awards-2013

Madonna nunca deixa passar em branco situações aos quais ela não concorda, e foi assim na entrega do prêmio Vito Russo Award para o apresentador Anderson Cooper na noite deste sábado no GlAAD AWARDS (premiação que reconhece e homenageia pessoas que trabalham pela causa LGBT) (Anderson assumiu publicamente sua homossexualidade no ano passado). Madonna compareceu a premiação vestida de escoteira em protesto ao grupo de escoteiros dos EUA que não aceitam gays e ainda ganhou um beijo inesperado do homenageado da noite.

Eis os discurso emocionante de Madonna:

Discurso de Madonna ontem no GLAAD AWARDS no qual ela falou sobre preconceito contra gays em si, sobre o fato de não ser permitido gays entre os escoteiros e sobre a entrega ao prêmio ao jornalista e apresentador de TV americano, Anderson Coorper.

“Olá, estou tão feliz de estar aqui, eu queria ser um menino escoteiro mas eles não me deixaram entrara, eu acho isso uma merda.

Eu sei fazer uma fogueira, eu sei como construir uma barraca, eu tenho um bom senso de direção, eu consigo resgatar crianças de árvores escutem, eu queria fazer o bem pra comunidade e o mais importante eu sei como reconhecer garotos* (scout, significa tanto “escoteiro” como “reconhecer”)

Então eu acho que eu deveria ser permitida a entrar para os escoteiros e que eles deveria mudar as suas regras idiotas, você não acha? Então, vocês podem sentar e por favor relaxem, não vou falar enquanto não sentarem, quero todos quentinhos e confortáveis.

Bom, eu fui uma garota escoteira e eu fui chutada, sabe porque? Porque minha saia era curta demais e eu não vendia todos os biscoitos, porque eu comia todos. De qualquer forma, vamos começar.

Vocês viram um clipe da minha turnê recente (Nobody Knows Me, tour MDNA), achei que era pertinente mostrar, porque para mim ilustra que coisas como homofobia, bullying, crimes de ódio e qualquer forma de discriminação sempre parece ser uma manifestação de medo do desconhecido. Muitas pessoas não estão confortáveis com coisas e pessoas que elas reconhecem como diferentes de elas mesmas, e eu digo que se tomássemos um tempo para conhecermo-nos melhor, fazer uma melhor investigação e olhar um pouco o interior das coisas iriamos descobrir que não somos tão diferentes no fim das contas. Nós também estamos sobre a ilusão de que com toda essa tecnologia bem na ponta dos nossos dedos nós faz estar cada mais próximos, que as pessoas estão se tornando mais familiares umas com as outras e que a distância entre um humano e o outro está acabando. Por um lado ok, mas por outro não está, eu acredito que o oposto está tomando lugar porque uma foto não conta mil histórias, uma foto conta uma VERSÃO de mil histórias e essa suposta “intimidade” que nós achamos que estamos ganhando é falsa, não é conquista e é um truque. Eu criei esse clipe para meu show porque eu quis levantar o alerta ao fato de que nós tomamos o tempo necessário e correto para conhecermos uns aos outros e nós precisamos. Se a mãe de uma palestina sentar para conversar com uma mãe israelense sobre crianças e o quanto elas amam suas famílias elas sentiriam tão separadas?

Madonna – Nobody Knows Me (exibido no MDNA Tour 2012)

Se o presidente Putin conversar com as garotas do Pussy Riot, ele provavelmente iria querer foder com cada uma delas, mas de qualquer forma, se ele fizesse e tivesse um diálogo aberto com elas sobre o ponto de vista delas como mulheres criativas e modernas crescendo na Russia atual, ele teria mesmo a permissão para trancá-las numa prisão por 3 nos. Eu digo, pense em como isso é insano?

E se esse “governo religioso” em São Peterbusgo sentasse com os 85 homens que foram presos no meu show por serem gays e conversasse sobre seus medos e sonhos para o futuro, realmente os ouvindo, eles estariam na cadeia agora?

Eu teria recebido ameaças de morte?

Eu estaria sendo processada por milhões de dólares por simplesmente apoiar abertamente a comunidade gay de lá na Russia?

Isto é, eu não estou botando apenas minha ideia pra fora, vocês precisam mesmo compreender que isso tudo é tão absurdo. E tudo em “nome de Deus”, mas o que Jesus ensina?

Não está tudo nos livros sagrados? “Ame o próximo como a ti mesmo”?

Então, não podemos usar o nome de Deus ou a religião para justificar atos de violência, para ferir, para odiar e para discriminar.

Eu acho que agora fiz meu ponto de vista, e agora todo mundo nessa sala está realmente entendendo o que eu quero dizer, mas qualquer um que esteja lá fora pode não estar.

Quando eu penso em jovens na America sendo discriminados, torturados, que tiram suas próprias vidas porque se sentem sozinhos e julgados, negligenciados e mal compreendidos eu quero sentar e chorar um rio de lágrimas, 7 dessas crianças aparecem no vídeo da minha turnê (vídeo Nobody Knows Me).

Eu estou criando adolescentes na minha casa agora, e a ideia de eles ou qualquer outro adolescente ou pessoa vivenciar esse tipo de dor é injustificável para mim, é uma atrocidade para mim, eu não aceito isso. E não é diferente de um homem branco suprimir um homem negro.

Não é diferente de um membro do Talibã atirar na cabeça de uma jovem blogueira por ela apenas postar suas idéias a respeito da educação feminina.

Não é mais louco do que o fato de um homem gay iraniano ser enforcado apenas porque ele se apaixonou por outro homem.

Eu não sei quanto a vocês, mas eu não consigo aguentar mais essa merda, e é por isso que eu quero começar uma revolução, vocês estão comigo?

Estamos em 2013 porra, vivemos na América, terra dos livres e bravos? É uma pergunta, não afirmação. Mas eu amo a palavra BRAVO, apesar de não brincar muito por ai e não conhecer muitas pessoas bravas.

Na música que tocou durante o vídeo da minha turnê (a música é “Nobody Knows Me”, do álbum American Life, de 2003), uma frase dela é “é tão dificil achar alguém para admirar” e essa é a razão de eu estar aqui, para falar umas palavrinhas sobre alguém que eu admiro.

Para elogiar alguém que é bravo e fez a diferença no mundo, por dar igualidade e dar voz a comunidade LGBT, eu estou aqui para honrar você Anderson Cooper.”

Sábias palavras Madonna.

POLÍTICA ANTI-GAY

Um comitê de 11 membros, formado por lideranças dos escoteiros em 2010, “chegou à conclusão que a política é absolutamente a melhor política para os Garotos Escoteiros dos EUA”, segundo o porta-voz da organização, Deron Smith.

O comitê, formado por profissionais escoteiros e voluntários, foi unânime na conclusão, que mantém uma política de muitos anos confirmada pela Suprema Corte dos EUA em 2000 e que tem gerado controvérsia desde então.

Como resultado da decisão, a executiva nacional dos escoteiros não analisará mais uma resolução apresentada recentemente que pede que seja reconsiderada a política “antigay”.

O grupo de escoteiros não identificou os integrantes da comissão, mas diz no comunicado que eles representam “uma diversidade de perspectivas e opiniões”.

O chefe-executivo do grupo, Bob Mazzuca, disse que a maioria das famílias de escoteiros apoiam a política, que se aplica a líderes ou escoteiros comuns.

“Nem todos os membros concordam pessoalmente com esta política, e talvez escolham uma direção diferente para suas organizações, mas a liderança dos Garotos Escoteiros dos EUA concorda que essa é a melhor política para nossa organização”, diz o texto.

Desde 2000, o grupo vem sendo alvo de campanhas de protesto e conflitos com leis locais de não-discriminação devido à política de não adesão.

Madonna postou foto em seu Instagram vestida de escoteira após a premiação

Madonna no GLAAD Media Awards irrita fãs de Lady Gaga

madonna-glaad-media-awards-anderson-cooper-2013
Não é de hoje que Madonna é engajada nas causas dos LGBT e defende abertamente a busca de direitos para a comunidade. Desde o início de sua carreira, a rainha já trazia ao público muito da cultura dos LGBT.

Esse ano ela é convidada do GLAAD Media Awards, a premiação que anualmente reconhece e homenageia pessoas que trabalham pela causa LGBT no que tange os meios de comunicação.

Madonna virá ao lado do jornalista e apresentador americano Anderson Cooper para homenageá-lo com o prêmio Vitor Russo, por ele ter assumido publicamente sua homossexualidade no ano passado. A premiação acontece no dia 16 de março em Nova Iorque.

“Madonna sempre foi uma voz ativa e sempre apoiou as causas homossexuais. Ela se envolve com pessoas da comunidade LGBT em diversas ocasiões. Seja falando sobre o bullying ou apoiando o casamento igualitário, Madonna sempre foi uma das aliadas mais fortes para nossa comunidade. Nós estamos muito felizes de ter ela ao lado de Anderson Cooper no ‘GLAAD’ esse ano.”, disse Herndon Graddick, presidente do ‘GLAAD’.

Fãs de Lady Gaga

Os Little Monsters, como são chamados os fãs da cantora Lady Gaga, publicaram uma carta nada a ver em protesto à escolha de Madonna como apresentadora do GLAAD Media Awards, prêmio que reconhece a luta de personalidades pela causa homossexual.

Na mensagem, enviada à organização do evento, os fãs afirmam que a escolha de Madonna é “um insulto a uma verdadeira ativista dos direitos gays como Lady Gaga” e acusam a cantora de incentivar a propagação do vírus HIV. “Madonna é uma das principais razões da (existência da) aids. Voltem para a década de 80. Ela encorajou os homens gays a fazerem sexo sem proteção.Ela certamente não começou a doença, mas, com sua falta de moral, ajudou a doença a se espalhar”, diz um trecho da carta.

Vale lembrar que Madonna gravou, em 1988, um comercial para conscientizar a respeito da prevenção do HIV. Em 2011, também foi leiloada uma carta da cantora sobre o assunto.

“No último ano meu melhor amigo morreu de AIDS. Vendo ele morrer foi a experiência mais assustadora da minha vida. No momento não há cura para AIDS mas há uma maneira de que ela não se espalhe. Não deixe que o medo lhe impeça de conhecer os fatos. Leia esse livo – e depois repasse ao seu melhor amigo. Poderá salvar a vida dele ou dela… poderá salvar a sua própria. Com amor, Madonna.”

madonna-carta-aids

Madonna mais uma vez concorre ao Billboard Touring Awards

Madonna

Madonna mais uma vez concorre ao Billboard Touring Awards – 3 prêmios. A premiação acontecerá nos dias 7 e 8 de novembro no Roosevelt Hotel em New York.

Eis as categorias:

TOP TOUR
Bruce Springsteen & the E Street Band, Wrecking Ball
Madonna, MDNA
Roger Waters, The Wall Live

TOP MANAGER
Jon Landau Management (Bruce Springsteen & the E Street Band)
MFM/Mark Fenwick (Roger Waters)
Guy Oseary (Madonna)

CONCERT MARKETING & PROMOTION AWARD
Demi Lovato/Hallmark
Lady Antebellum/Lipton
Linkin Park/Honda Civic
Madonna/Smirnoff
Tim McGraw/Pennzoil
Zac Brown Band/Jack Daniel’s

“Masterpiece”, de Madonna, é indicado ao World Soundtrack Awards 2012

Madonna "Masterpiece" indicado ao prêmio no World Soundtrack Awards 2012

Madonna foi indicada a mais um prêmio com a música do álbum MDNA,“Masterpiece“, composta para o filme dirigido e produzido por ela, “W.E”. “Masterpiece” foi indicado ao prêmio de “Melhor Canção Original” no World Soundtrack Awards 2012, que acontece na Bélgica.

Eis os indicados à categoria “Best Original Song Written Directly For A Film”:

  • Breath Of Life from ” Snow White And The Huntsman” – music & lyrics by Florence Welch & Isabella Summers, performed by Florence + the Machine
  • The Living Proof from “The Help” – music & lyrics by Thomas Newman, Mary J. Blige, Harvey Mason Jr. & Damon Thomas, performed by Mary J. Blige
  • Man Or Muppet from “The Muppets” – music & Lyrics by Bret McKenzie, performed by Jason Segel and Walter
  • Masterpiece from “W.E.” – music & lyrics by Madonna, Julie Frost & Jimmy Harry, performed by Madonna

A premiação acontece no dia 20 de Outubro de 2012.

Madonna já ganhou um Globo de Ouro na categoria de Melhor Música Original com “Masterpiece” em janeiro deste ano.