Art for Freedom: Madonna conversa com fãs nesta segunda

madonna-artforfreedom-chat-buzzfeed

Arte Pela Liberdade, a iniciativa digital global co-fundada por Madonna para alimentar o discurso livre e se voltar à intolerância em todo o mundo através da arte, foi acompanhada pelo site BuzzFeed para coletivamente cuidar de uma nova coleção de trabalhos da comunidade de artistas visuais.

Na noite desta segunda-feira, 14, Madonna conduziu uma conversa ao vivo no site, na qual comentou sobre os trabalhos enviados. A seguir, um resumo do que aconteceu.

Madonna:
Apoio a liberdade de uma mulher poder escolher se cobre a cabeça ou não. Entretanto, cobrir o cabelo por oração está apto a interpretações e diferentes crenças. Com ou sem veu, meu voto é pela liberdade de se expressar de qualquer maneira.

Em resposta a aishamedia:

Madonna:
Adoro a ideia familiar, mas me preocupo com a saúde de todos.

Em resposta a Matt Stopera:
Juggalos representa uma das últimas grandes subculturas americanas. Eles vivem sob suas próprias regras, falam seu próprio idioma e têm seus próprios costumes. Eles também não se importam sobre o que pensam deles.

Madonna:
Não entendo. Um fundamentalista é um extremista que não vê a opinião alheia. É isto o que quer dizer? A leitura cria uma mente aberta? Fiquei confusa, preciso de uma explicação.

Em resposta a heymarki:

null

Madonna:
Excelente direção de arte. Nota 10 pelo esforço. Geralmente, sinto o mesmo, podendo me expressar apenas através da dança. Vai com tudo, garota!

Em resposta a everreynaldoculquitantes:

Madonna:
Concordo com as palavras, mas, para lutar mesmo pela liberdade, é preciso agir, não apenas com palavras. Basicamente, isso o transforma em um lutador. Alguém que não apenas diz o que deve ser dito, mas cumpre o que promete. Não é o que você diz, mas o que faz.

Em resposta a elainem28:

art for freedom madonna

Madonna:
Você tem sorte por viver num lugar em que tem liberdade de se expressar. Valorize isso!

Em resposta a jamesg93:

art for freedom madonna

Madonna:
Em algumas sociedades, é crime ser mulher. Elas ainda são tratadas como cidadãs de segunda classe em muitas partes do mundo. Espero realmente que isso termine um dia. Adorei esta arte, é ótima!

Em resposta a gerardo greco:

art for freedom madonna liberdade

Madonna:
Sim, concordo. Se não aprendermos com a História, a repetiremos. Este é, obviamente, um poema escrito por alguém que acredita em reencarnação. A transmigração da alma. Se te encontrar no estúdio, podemos compor juntos.

Em resposta a victoriala:
“Já aprendeu o que veio aprender
Ou voltará pra cometer os mesmos erros?
Você veio pra amar, não odiar
Devo ter uma alma velha
Pois, quando olho nas suas janelas, ou ouço você culpar
Sei que você voltará
Até acertar…”

Madonna:
Infelizmente, a religião é responsável por muita separação, violência, dor e sofrimento. Se as pessoas realmente estudarem os Livros Sagrados de quaisquer doutrinas em que estejam, elas verão que há um fio que une todo mundo: “Ame ao Próximo como a Ti Mesmo”. A Paz Mundial é possível. Ela não tem nada a ver com religião, mas com conscientização.

Em resposta a Richard Alonso:

art for freedom madonna

Madonna:
Ninguém deve morrer de fome, este é um conceito ridículo nos tempos modernos. Infelizmente, as pessoas ainda são assim. Por favor, explique pra mim como fazer meus filhos conseguirem viver com 7 pratas por mês.

Em resposta a vladapart:
Este é o meu trabalho para o projeto Arte Pela Liberdade, de Madonna. Cada azulejo representa uma vida, e a pintura mostra o número de vidas perdidas a cada hora por causa da fome. Os azulejos vermelhos mostram crianças com menos de 5 anos que morrem a cada hora. Todos perderam a LIBERDADE DE VIVER. Espero muito que possamos mudar isso. Espero que a visualização possa ajudar as pessoas a entenderem como esse número é grande.

art for freedom madonna

Madonna:
Não saia do seu emprego. Entretanto, é um bom argumento. As pessoas não sabem ouvir, é uma forma de arte perdida. Em grande parte, por todos estarem ao telefone.

Em resposta a 1B1H1:

Madonna:
Este é o meu preferido. Gastamos muito tempo tentando nos adaptar ao que a sociedade espera de nós. De fato, o corpo é temporário, e é incrível quanto tempo gastamos em algo que é impermanente.

Em resposta a Koax:

madonna-artforfreedom-buzzfeed-chat1 madonna-artforfreedom-buzzfeed-chat2

Blu-ray Madonna “SuperBowl 2012″ + Extras

madonna blu-ray dvd supwerbowl grammy 2014 miley cyrus

Sensacional Blu-ray trazendo a apresentação de Madonna no SuperBowl 2012, coletiva de imprensa, entrevistas e especiais, mais extras como a apresentação no Grammy 2014, em que Madonna cantou “Open Your Heart” e “Don’t Tell Me” no Unplugged de Miley Cyrus.

Blu-ray em mídia de 50 gigas, em total qualidade de imagem e som surround 5.1.

Para adquirir, escreva para marcosvlmoraes@hotmail.com ou pela fan page do Madonna Madworld. Clique aqui para mais detalhes.

blu-ray madonna superbowl art cover capa

Confira o track-listing:

1.Live Super Bowl XLVI Halftime Show 2012
2.Comercial NRJ About SuperBowl
3.Superbowl Commercial NBC 2012
4.Leno Super Bowl Commercial (Extended)
5.Super Bowl Press Conference [NFL]
6.NFL – Madonna Owns the Moment (Interview)
7.Tonight at HalfTime Super Bowl XLVI (Madonna Interview)
8.SuperBowl Making Of 2012
9.Shooting the Madonna Super Bowl Halftime Hamish Hamilton
10.Madonna interview with Jay Leno 30.01.2012
11.Madonna interview with Harry Smith for Rock Center with Brian Williams 18.04.2012
12.Billy Eichner Hits The Madonna Super Bowl Show – CONAN on TBS
13.Anderson Cooper interview with Madonna 02.02.12
14.Madonna at The Graham Norton Show 11.01.12

BÔNUS
15.The 69th Golden Globe Awards 2012 – Award For “Masterpiece”
16.Golden Globe Awards Backstage Press 2012
17.Golden Globe Awards Red Carpet (Interview With Ryan Seacrest)
18.Arthur Fogel – Learning from Madonna 2014
19.Glaad Awards 2013 (Award To Anderson Cooper)
20.Madonna’s Secret Workout (Good Morning America 2013)
21.Miley Cyrus & Madonna – Don’t Tell Me/We Can’t Stop (MTV Unppluged 2014)
22.Macklemore and Ryan Lewis, Queen Latifah, Madonna – Open Your Heart/Same Love (Grammy Awards 2014)
23.Grammy Awards Red Carpet 2014 Interview
24.Madonna Introduces MDNA SKIN (Commercial 2014)

madonna blu-ray dvd supwerbowl grammy 2014 miley cyrus back cover madonna blu-ray dvd supwerbowl grammy 2014 miley cyrus cover madonna blu-ray dvd supwerbowl grammy 2014 miley cyruscd

Capturas reais (clique para ampliar)

madonna blu-ray dvd supwerbowl grammy 2014 miley cyrus capturas

Há uma grande diferença entre Madonna e Beyoncé

madonna e beyoncé juntas together

Há uma grande diferença entre Madonna e Beyoncé. Madonna é a artista que toda cantora quer ser. Sua sexualidade sempre revolucionária é sua marca – uma forma de auto-expressão. Nos anos 90, ela usou o infame sutiã de cone de Jean Paul Gaultier com os espirais hipnóticos que enfatizavam a sexualidade, em justaposição com sua criação católica (tudo isso enquanto seduzia uma cadeira), durante a Blond Ambition Tour. Ela supostamente arrecadou quase US$ 63 milhões, o que tornou esta a turnê mais bem-sucedida à época. Uma década depois, sua The Confessions Tour, durante a qual ela cantou Live To Tell pendurada em uma cruz, rendeu a ela US$ 194,7 milhões, segundo a Billboard.

Agora, parece que Beyoncé tem estudado a cartilha. Ela vestiu uma tanga La Perla no Grammy deste ano para exibir seu corpo, enquanto apresentava Drunk In Love – também em uma cadeira – enquanto seduzia (e era seduzida) seu marido Jay-Z.

Talvez sua performance no Grammy e este lado mais atrevido sejam uma homenagem a Madge (em seu quinto e homônimo álbum, a canção e o clipe de Haunted têm sido comparados a Erotica, de Madonna). Ou talvez ela entenda que começar uma revolução pseudo-sexual em troca de lucro seja como se manter relevante.

Afinal de contas, sexo ainda vende. E outros negócios estão surgindo. A revista Forbes, por exemplo, questionou se a performance de Drunk In Love serviu para aumentar as vendas do álbum. A resposta é, “claro que sim”.

“Abri minha própria empresa”, Beyoncé contou à Billboard, sobre a Parkwood Entertainment, fundada em 2008. “Quando decidi que seria minha própria empresária, foi importante não ir a uma grande empresa de gerenciamento. Senti que queria seguir os passos de Madonna e ser uma potência, com meu próprio império, e mostrar a outras mulheres que, ao se chegar neste ponto na carreira, você não precisa assinar um contato com outra pessoa e dividir seu dinheiro e seu sucesso – você o faz sozinha”.

Mas se Beyoncé está tentando ser como Madonna, a pergunta é: “será que ela consegue?”. Não será fácil.

Após décadas na indústria, Madonna é a artista feminina que mais vendeu singles de todos os tempos. Aos 55 anos, ela vendeu mais de 300 milhões de discos em todo o mundo, arrecadou centenas de milhões em turnês sozinha e ganhou 14 Grammy em 26 indicações. A Billboard a classificou em segundo lugar, atrás apenas dos Beatles em sua última lista dos “100 mais”, tornando-a a artista solo mais bem-sucedida na história da parada de singles americana. Só no ano passado, Madonna ficou no topo da lista da Forbes de celebridades que ganharam mais de US$ 125 milhões, e, apesar do álbum MDNA não ter vendido tanto, sua turnê rendeu US$ 305 milhões.

Beyoncé, 32, tem sido uma artista solo desde o fim das Destiny’s Child em 2005, e, assim, já vendeu mais de 80 milhões de discos e ganhou 14 Grammy de 25 indicações, em apenas nove anos. Em 2009, a Billboard a nomeou a “Melhor Artista dos anos 2000” e ela também foi a “Artista do Milênio” em 2011. A Forbes registrou os ganhos de Beyoncé no ano passado em US$ 53 milhões. Sua última turnê, The Mrs. Carter World Tour, teve 132 apresentações e ela arrecadou US$ 183 milhões até o dia 12 de março.

“Beyoncé tem um controle incrível sobre sua pessoa e o que ela coloca no mundo. Você nunca sabe se existem pessoas nos bastidores que a ajudam”, disse Kevin Allred, professor na Universidade Rutgers, que estabeleceu uma aula sobre raça, gênero e políticas sexuais, chamada Politizando Beyoncé.

madonna reinvention beyoncé

“Ela colocou o controle em ação no ano passado, quando a Target escolheu não vender seu álbum homônimo após ela ter dado ao iTunes uma semana de vendas exclusivas. Bey assumiu o controle. Ela foi a uma loja Wal-Mart em Tewksbury, Massachusetts, e ofereceu a cada cliente na loja “50 dólares pra gastar com ela” durante a temporada de compras de Natal, efetivamente dando o dedo do meio à Target e, engenhosamente, dizendo “aqui está um dinheiro extra pra comprar meu álbum”.

Estar no controle é o que faz de Beyoncé a mulher de negócios que ela é – uma característica que ela aprendeu a aperfeiçoar. “Nunca estou satisfeita”, contou Beyoncé à Forbes em 2009. “Tenho certeza de que, às vezes, não é fácil trabalhar pra mim. Nunca conheci alguém que trabalhe mais pesado do que eu na minha indústria”.

E enquanto “Madonna poderia ser vista assim, com muito controle [sobre sua imagem]”, Allred contou a Quartz, “parece que existe um nível extra [com Beyoncé]. Se alguma foto desfavorável é publicada, ela é retirada da Internet”.

Beyoncé reservou cinco meses pra se preparar para o Superbowl de 2013, que é o show mais assistido do ano (Madonna levou quatro meses). Ela tomou todas as rédeas e prometeu perfeição. Gawker descreveu sua apresentação: “Beyoncé existe pra nos surpreender com perfeição e uma ética de trabalho extraordinária, e ela conseguiu fazer um espetáculo único na vida”.

Mas, de algumas formas, a perfeição de Beyoncé é um “calcanhar de Aquiles”. Para revolucionar a indústria da música, de forma tão rápida, ser melhor do que todos não é o bastante, porque tudo muda num piscar de olhos. Os artistas devem se reinventar pra permanecer no topo ou serão deixados pra trás.

Isso é algo que Madonna conhece bem. Recentemente, ela compartilhou uma foto de sua axila cabeluda no Instagram. Ela escreveu: “Cabelo grande…nem ligo!!! #artforfreedom #rebelheart #revolutionoflove”. Mas, como um escritor observou, Beyoncé não se permitirá este tipo de liberdade – ela está sempre e completamente no controle, impecável.

“Beyoncé possivelmente nunca viu uma foto desfavorável dela em qualquer mídia”, escreveu Esther Zucherman sobre o documentário de Beyoncé. “Ela está deslumbrante ao gravar closes de si mesma com pouca luz. Ela está deslumbrante quando vai trabalhar. Assistir às suas performances perfeitas é uma emoção. Assistir aos seus momentos difíceis sem perder um fio de cabelo faz você se sentir mal consigo mesmo”.

Beyoncé é o chefe, batalhadora, ambiciosa. Mas os chefes não são bons com revoluções: se Bey quer começar uma – e uma feminista – trave uma guerra ou coloque cabelo falso debaixo do braço e poste no Instagram. Ela se livra fácil disso. Mas até entender isso, ela não será como Madonna, muito menos tomará seu lugar – ela continuará agindo rapidamente. (Fonte: Quartaz)

Madonna vai ao show de Miley Cyrus e aparenta tédio

madonna vai ao show de miley cyrus

Geralmente, Madonna é chamada de Rainha do Pop, mas, quando foi ao show da concorrente pop Miley Cyrus, ela pareceu nem tão impressionada assim.

Enquanto Miley girava e cantava freneticamente, Sua Majestade foi vista nas redes sociais de pé e sem muita reação, com as mãos em uma bengala (nenhum acidente foi reportado, então a mais provável explicação é um estilo que ela vem usando).

Supostamente, ela colocou os óculos de sol em algum momento do show e falou com os homens ao seu lado durante a noite. Ela, aparentemente, também estava com uma cadeira dobrável, na qual sentou e verificou seu celular em dado momento.

Vamos refletir: no que Madonna estava pensando e por que ela estava tão reservada enquanto a multidão enlouquecia com o show de Miley? Só o tempo dirá…

Em seu Instagram, Madonna postou duas fotos do show:

madonna miley cyrus show

Roupa de Madonna para ensaio da L’uomo Vogue é roubada

madonna L’uomo Vogue 2014

O recente ensaio fotográfico de Madonna para a marca L’uomo Vogue foi boicotado após alguns itens bem caros de lingerie, aparentemente, terem sido roubados. Um sutiã italiano de renda no valor de 2.545 dólares, uma calcinha de 345 dólares e algumas cuecas de 515 dólares foram reportados como desaparecidos da loja New York’s Highline Stages na manhã de 21 de março.

“Era um ensaio da Madonna para a marca L’uomo Mag e seria ideal se alguém achasse a bolsa de lingerie”, um representante da designer Deborah Marquit confirmou por e-mail. “Deborah adoraria reaver as peças de sua coleção”.

Segundo o relatório, arquivado pelo Departamento de Polícia de Nova York, um assistente colocou a bolsa com os itens embaixo de uma cadeira por volta das 16h. Quando o ensaio terminou, logo após a meia-noite, a bolsa não estava mais lá. A designer também mandou um e-mail ao website, no qual diz acreditar que tudo é apenas um mal-entendido e que os itens serão devolvidos, ao invés de ser um roubo.

“Sofri uma perda e gostaria que as peças fossem devolvidas”, ela escreveu. “Tenho certeza de que ninguém da equipe do ensaio é suspeito, já que isso nunca aconteceu antes. Há muitas pessoas envolvidas em ensaios e, talvez, quem os encontrou, devolverá”.

Madonna ficou bastante animada com o ensaio para a versão masculina e italiana da Bíblia da Moda, brincando com seu lado andrógino em ternos, dentre outras coisas. “Trabalhando com Armani para L’uomo Vogue! #artforfreedom”, ela legendou em uma foto dos bastidores em seu traje de três peças, completo com uma boina de pajem, postada no Instagram no dia seguinte.

Ela também compartilhou uma foto que parece ser do mesmo ensaio, na qual ela veste um sutiã de cetim azul royal e um espartilho, combinando com a gravata, com um braço levantado e revelando cabelos em sua axila. “Cabelo grande…nem me importo!!! #artforfreedom #rebelheart #revolutionoflove”, ela escreveu na legenda.

A cantora de Like A Virgin ainda responderá às acusações. Enquanto isso, foi noticiado que Miley Cyrus se juntará a Madonna como curadora de seu projeto Art For Freedom no mês de abril. Lançado em setembro, artistas de todos os gêneros e mídias são encorajados a postar seus trabalhos, com os artistas colaborando para escolher qual será apresentado no website.

“Nunca houve um momento mais crucial para participar e ajudar a mudar o mundo”, Madonna afirmou. “Me inspiro tanto nos trabalhos de todos desde que começamos e recebi Miley, juntamente com seus fãs, para se expressarem artisticamente e compartilhar suas ideias criativas sobre os direitos humanos e a liberdade de expressão. Miley e eu queremos ouvir suas vozes no formato que vocês escolherem a partir de abril”.

Aos 21 anos, Miley, que segue os passos de Katy Perry, curadora do projeto em janeiro, completou: “A arte fala em volumes – fico feliz de me juntar a Madonna para encorajar as pessoas a fazerem suas vozes serem ouvidas no site artforfreedom.com. É o lar ideal para ver como cada um de nós pode participar e mudar o mundo para melhor”.

No fim do mês, Madonna e Miley nomearão o trabalho vencedor, com um prêmio de 10 mil dólares, a ser doado a alguma instituição sem fins lucrativos de escolha do ganhador.