Arquivo da tag: The Virgin Tour

Bluray Madonna The Virgin Tour Detroit

blu-ray madonna The Virgin Tour

Bluray Madonna – The Virgin Tour. O Bluray trás o show da tour live from Chicago, gravação professional, além de clipes bônus. 1080p, surpreendente resolução de imagem, som surround 5.1.

1.Introduction – 2.Dress Your Up – 3.Holiday – 4.Into The Groove – 5.Everybody – 6.Gambler -7.Lucky Star – 8.Crazy For You – 9.Over And Over – 10.Like A Virgin – 11.Material Girl

Bônus Clipes
1.Everybody
2.Burning Up
3.Lucky Star
4.Bordeline
5.Like A Virgin
6.Material Girl
7.Crazy For You
8.Gambler
9.Into The Groove

Compra pelo Mercado livre: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-801884361-bluray-madonna-the-virgin-tour-detroit-rebel-heart-_JM




Continue lendo Bluray Madonna The Virgin Tour Detroit

Primeira tour de Madonna, The Virgin Tour, completa 28 anos

madonna_virgintour

Há exatamente 28 anos, Madonna dava início à sua primeira turnê. “The Virgin Tour”, que começou em 10 de abril de 1985 em Seattle, levou Madonna a diversos estados norte-americanos e ao Canadá, para promover os seus dois primeiros discos: “Madonna” e “Like a Virgin”, num total de 40 shows.

O The Virgin Tour recebeu recepção mista dos críticos, mas foi um sucesso comercial. Assim que a turnê foi anunciada, os bilhetes foram vendidos em toda parte. A famosa loja de departamento Macy´s, de Nova Iorque, foi inundada de fãs que compraram a mercadoria turnê como os brincos de crucifixo e luvas sem dedos que Madonna usava. Após o seu término, o tournê teria arrecadado um total de US$ 35 milhões.

A turnê foi gravado e lançado em VHS, o Madonna Live: The Tour Virgin, e recebeu uma certificação ouro pela RIAA com as vendas superiores de 500 mil unidades nos Estados Unidos. Com o início do Virgin Tour, as pessoas, especialmente as mulheres, se aglomeravam para vê-la, vestindo roupas inspiradas em Madonna. Este frenesi sobre Madonna deu origem a um novo termo chamado Madonna wannabe – uma palavra que foi finalmente reconhecida oficialmente pelo Dicionário Webster, em maio de 1991.

Os shows seguiram com o seguinte setlist:

“Dress You Up”
“Holiday”
“Into the Groove”
“Everybody”
“Angel”
“Gambler”
“Borderline”
“Lucky Star”
“Crazy for You”
“Over and Over”
“Burning Up”
“Like a Virgin” (contém excertos de “Billie Jean”, de Michael Jackson)
“Material Girl”

Madonna é famosa por criar performances verdadeiramente ousadas e inovadoras nos seus espetáculos ao vivo, quebrando barreiras desde o início da sua carreira. Assista na íntegra o show lançado em VHS e LD filmado em Detroit.

MADONNA EM 1985: Ela não é a estrela da sorte, e sim uma estrela muito esperta

Madonna

Madonna em 1985: “Ela não é a estrela da sorte, e sim uma estrela muito esperta”
• Artigo por: Jon Bream, para o Star Tribune

Madonna é a figura feminina mais quente no show business no momento.

Ela está na capa da Rolling Stone duas vezes em 26 semanas e também na capa da People. Suas canções estão em todas as rádios e seus vídeos estão em toda programação da MTV. Nos últimos 16 meses, ela colocou sete músicas no Top 20 na parada pop da Billboard. Seu primeiro grande filme, “Desperately Seeking Susan”, está entre os cinco melhores filmes de maior bilheteria da temporada. E sua primeira turnê – chamada The Virgin Tour – esgotou entradas instantaneamente em todas as cidades por onde passou.

No entanto, muitas pessoas se perguntam se Madonna é um talento genuíno ou simplesmente um pacote bem apresentado que vai rapidamente tornar-se tão fora de moda da mesma forma como subiu.

Depois de ver seu show na noite de terça no St. Paul Civic Center (Minnesota) é difícil dizer.

Não foi melhor ou pior do que as minhas expectativas. O show não consegue desafiá-la artisticamente, ou sugerir que ela poderia estar no mesmo patamar de Prince, Michael Jackson e Bruce Springsteen, os principais artistas do rock nos palcos. Ela sabe de suas limitações e seu desempenho é adaptado à sua performance.

O Show de 70 minutos foi bem coreografado, tranquilo e divertido no geral. Ela misturou canto com dança (se apresentando com dois bailarinos), fez algumas mudanças de roupa e apresentou slides projetados de seu rosto fotogênico em telas enormes atrás dela e falava sobre ser uma pessoa sem coração que muita gente pensam que ela é. Em última análise, ela veio como uma Ann –Margret punk, com um chamativo, sexualmente provocante, burlesco e contemporâneo espetáculo, que caberia muito bem numa casa de shows de Las Vegas.

Mais do que qualquer outra coisa, Madonna é uma personalidade, um ícone que combina um sórdido glamour, uma inocência simulada e uma crua sexualidade de uma forma que atrai principalmente meninas e meninos adolescentes.

Ela não só tem talento, presença de palco e um rosto inesquecível, mas também tem instinto e rodeia-se das pessoas certas no show business. Seu primeiro álbum foi produzido por Reggie Lucas e Jellybean Benitez, dois dos mais badalados produtores da época, e depois no ano passado ela ficou com Nile Rodgers, que tinha sido produtor do Chic, Diana Ross e David Bowie. Ela também contratou o homem que cuidava da carreira de Michael Jackson, e dois dos membros de sua banda atual já haviam excursionado com os Irmãos Jackson no ano passado na exitosa Victory Tour. Em suma: Ela não é a estrela da sorte, e sim uma estrela muito esperta.

Madonna Ciccone, 25 anos, sempre achou que ela ia levar uma vida especial. Como uma adolescente na área de Detroit, ela caiu nas graças de um instrutor de dança mais velho que a apresentou ao mundo das artes. Ela conseguiu uma bolsa de estudos para ir à Nova York com 35 dólares no bolso. Lá, estudou com o famoso coreógrafo Alvin Ailey, em seguida, mudou-se para Paris para se tornar cantora durante a era disco. Voltou para Nova York, entrou para uma banda, reuniu-se um disco jockey numa discoteca que a ajudou a conseguir um contrato de gravação.

Seu álbum de estreia de 1983, “Madonna”, rendeu três hits e já vendeu mais de 2 milhões de cópias. Seu segundo álbum, “Like a Virgin” tem, até agora, dois hits e vendeu cópias duas vezes mais que seu LP inicial. Com sua composição e enquadramento de seus produtores, Madonna se encaixa bem nos clubes de dança e em estações de rádio pop e soul.

Não são tantos, mas também há adoradores pessimistas de Madonna. Para muitos ela é uma espécie de “dou-aos-rapazes-o-que-eles-querem”, ou uma nova versão de Marilyn Monroe para os palcos. Outros dizem que a sereia da moda não tem muita voz. Ambas as críticas pareciam válidas na noite de terça-feira.

Mas Madonna não contribuiu muito para isso não, exceto em “Material Girl”, onde algumas impressionáveis e pouco sofisticadas jovens na plateia podem ter dado uma ideia errada sobre o papel das mulheres. Além disso, sua voz parecia fina, estridente, sem alma e sem emoção. A única vez que ela cantou com paixão foi na balada, seu hit atual, “Crazy for You”.

O resto do show foi de números de dança alegres. Madonna dançou e agitou toda a sua plateia, apesar da minissaia limitar seus movimentos. Mas em seu favor vimos que ela foi capaz de dançar e cantar energicamente por 70 minutos, o que não é pouca coisa.

A multidão predominantemente feminina (em torno de 16,799 pessoas) foi igualmente enérgica. As meninas vieram vestidas como Madonna, com o cabelo coberto de gel, muita renda, pulseiras e colares e laços. E se tratando de um ídolo quente e intenso como Madonna, vestir-se e estar lá é, muitas vezes, a coisa mais importante.

Obrigado a Jorge Luiz pelo artigo.

MADONNA MADWORLD em novo endereço: www.madonnamadworld.com.br

Madonna - Who´s That Girl - Quem É Essa GarotaO MADONNA MADWORLD, o seu site da Madonna presente na internet desde 1998, está de novo endereço: www.madonnamadworld.com.br.

O endereço www.madonnamadworld.com.br, que funcionou por 12 anos, continua por enquanto.

Obs: Como o site mudou de servidor, muitas fotos não estão abrindo. Estamos arrumando os URLs das imagens ainda.

Artistas italianos recriaram figurino usado por Madonna em 1985

Os artistas italianos Mario Paglino e Gianni Grossi prestaram uma homenagem a Madonna. A dupla criou uma boneca da cantora, remontando um de seus visuais mais conhecidos dos anos 80: o figurino estampado da apresentação de Dress You Up, na turnê Virgin Tour, de 1985.

A boneca de Madonna, cheia de detalhes, recria seu estilo de cabelo bagunçado, seus dentes da frente separados e uma pinta sobre o lábio. Confira no vídeo abaixo, Madonna usando o figurino original:

STICKY & SWEET TOUR está entre as 10 maiores tours de 2008

A tournê de Madonna, Sticky & Sweet Tour, que passou pelo Brasil em dezembro com cinco shows, já é a oitava tournê mais bem-sucedida de todos os tempos antes mesmo dela acabar. Confira.

The following are the 10 biggest tours ever in history:

01. Rolling Stones “A Bigger Bang Tour” (2005-2006) ($558 million)
02. U2 “Vertigo Tour” (2005-2006) ($389 million)
03. The Police “Tour” (2007-2008) ($358 million)
04. Rolling Stones “Bridges To Babylon/No Security Tour” (1997-1999) ($339 million)


05. Rolling Stones “Voodoo Lounge Tour” (1994-1995) ($319 million)
06. Rolling Stones “Licks Tour” (2002-2003) ($300 million)
07. Madonna “Sticky & Sweet Tour” (2008) ($280 million)
08. Bruce Springsteen “Rising Tour” (2002-2003) ($238 million)
09. Bruce Springsteen “E Street Band’s Magic Tour” (2008) ($235 million)
10. Bon Jovi “Tour” (2007-2008) ($210 million)

Madonna está na lista com 280 milhões, sem contar a parte 2

A LIVE NATION divulgou que mais de 1 milhão de ingressos foram vendidos, rendendo mais de 100 milhões de dólares.

280 + 100 = 380 milhões garantidos
(pode arrecadar ainda mais, já que falta Israel)

Ou seja, Madonna não vai entrar apenas no top 5 como os sites divulgaram, SERÁ A SEGUNDA MAIOR TOUR DA HISTÓRIA! E a único artista solo do top 5. Isso sem Japão e Australia.

2 DVDs: Virgin Tour Detroit e Who´s That Girl Tour Japan

Mais dois DVDs aderidos no blog: THE VIRGIN TOUR DETROIT e WHO´S THAT GIRL JAPAN. Ambos com qualidade de imagem digital extraído do LD oficial lançado.

dvd the virgin tour madonna

O DVD THE VIRGIN TOUR trás de extra o video de HOLIDAY, LUCKY STAR (EDIT) e a apresentação de Madonna no The Tube.

The Virgin Tour Captures

DVD Who´s That Girl Japão

Caso tenha interesse em adquirir, clique aqui e leia as instruções.

Madonna e o Papa

Juro que estava pensando: “cadê as polêmicas Mdolla?” Nos anos 80-90, semelhante declaração de Madonna seria um bafão pois o Papa João ficava mordido com essas coisas. Já o Bento, por sua vez, ignora essas manifestações solenemente. Para ele, Madonna está no inferno antes mesmo de morrer!
Madonna cantou neste sábado, 6, para 60 mil pessoas no estádio Olímpico de Roma, no único show na Itália em sua atua turnê, e dedicou ao papa sua famosa música ‘Like a virgin’.

“Dedico esta canção ao papa, porque sou filha de Deus. Vocês também são filhos de Deus”, disse a cantora, já nos momentos finais do show.

O show contou com a presença, segundo fontes da organização, do estilista Giorgio Armani, dos jogadores de futebol italianos Francesco Totti, Bobbo Vieri, entre outros.

Mais show
Madonna fará uma apresentação a mais no Brasil, no dia 15 de dezembro, no Rio de Janeiro, informou nesta sexta-feira o site da Live Nation Experience, atual produtora e gravadora da cantora.

Madonna fará outras três apresentações no país. Originalmente, ela faria apenas dois shows no Brasil: um no Rio de Janeiro, no estádio do Maracanã, no dia 14 de dezembro, e outro em São Paulo, no estádio do Morumbi, no dia 18 de dezembro.