Arquivo da tag: Novo álbum de Madonna

OBA! SUPER DELUXE EDITION de REBEL HEART, de Madonna, será lançado no Brasil em CD

MADONNA REBEL HEART SUPER DELUXE EDITION 2CD

Sim, teremos o SUPER DELUXE EDITION de REBEL HEART, novo álbum de Madonna, no Brasil sim, mas nada do Standard, que será lançado apenas no formato digital.

De acordo com o site Estilo Madonna, serão lançados em as edições com 19 faixas (Deluxe) e a com 25 faixas (Super Deluxe) em formatos físicos e a Standard no formato digital. Tudo graças a petição dos fãs.

Continue lendo OBA! SUPER DELUXE EDITION de REBEL HEART, de Madonna, será lançado no Brasil em CD

Não mande Madonna parar!

madonna living for love video rebel heart 2

Nesta semana, os Céus se abriram e nos deram um novo clipe da Madonna através do Snapchat. Na última década, vimos a cantora da forma mais efêmera e boba. Apesar de momentos de grandeza inegável (lembram-se da apresentação no Superbowl?) e relativo sucesso comercial, os álbuns Hard Candy e MDNA foram considerados fracos não apenas pelos críticos, mas também pelos mais ardorosos fãs.

Não dá pra negar que são grandes álbuns. O enorme sucesso de Blurred Lines prova que, por mais ínfimos que sejam, as batidas e ondas de Hard Candy chegaram cinco anos mais cedo. Mas a “hora certa”, assim como o vazamento de Rebel Heart, nem sempre esteve do lado da Rainha.

É isto que faz o lançamento do clipe ser um sucesso estrondoso. Desde Confessions On A Dancefloor, as rádios ignoram as músicas de Madonna – não importa o quão bem-sucedido ou inovador um álbum ou turnê seja, ela foi isolada como algo diferente, algo inferior ao produto “comercial”. Para ela, ter sido rebaixada a esta fase de “legado” seria menos insultante se ela fizesse música merecedora de estar neste “legado”, mas não foi o que aconteceu. Ou não exatamente.

Continue lendo Não mande Madonna parar!

Madonna STANDARD EDITION de REBEL HEART no iTunes

madonna rebel heart cd cover explicit

Divulgado o track-listing da versão STANDARD do novo álbum de Madonna, REBEL HEART, no iTunes. Note que a música “Rebel Heart” está fora do álbum. Confira:

01. Living for love
02. Devil pray
03. Ghosttown
04. Unapologetic bitch
05. Illuminati
06. Bitch I’m madonna
07. Hold tight
08. Joan of Arc
09. Iconic
10. Heartbreakcity
11. Body Shop
12. Holy water
13. Inside out
14. Wash all over me

De acordo a Universal Music France, “Rebel Heart” será lançado nas seguintes versões:

Rebel Heart – Standard (14 tracks)
Rebel Heart – Deluxe (19 tracks)
Rebel Heart – Super Deluxe Box (25 tracks)
Rebel Heart – Vinyl LP (19 tracks)
Rebel Heart – Exclusive FNAC France Edition (20 tracks)

Guy Oseary fala sobre vazamento das novas de Madonna para a Billboard

guy-oseary-and-madonna-rebelheart-itunes

Guy Oseary fala sobre vazamento das novas de Madonna para a Billboard

O lançamento surpresa das seis canções do álbum Rebel Heart, de Madonna, no dia 20 de dezembro foi uma vitória sofrida: resultado de duas noites sem sono para combater os vazamentos de mais de uma dúzia de demos não-finalizadas apenas três dias antes. E ele quase não aconteceu.

“Não sabíamos de nada até a noite de sexta (19), que sequer daria certo”, disse Guy Oseary, empresário de longa data de Madonna, no dia 23. “Havia uma chance de não ser tecnicamente possível, por ser tão em cima da hora. Normalmente, não seria o fim do mundo, mas pelo fato do iTunes interromper suas atividades (para as Festas), soubemos que deveria acontecer bem cedo ou só no dia 5 de janeiro. Não sabíamos…ela estava rezando e nós torcemos”.

O resultado? Pré-vendas para o dia 10 de março chegaram ao topo do iTunes em mais de 36 países, com três das 6 faixas finalizadas na parada de música eletrônica da Billboard. O primeiro single Living For Love chegou às rádios americanas no dia 22 de dezembro pela gravadora Interscope, com uma campanha ainda maior em janeiro. Um clipe oficial será filmado no mês que vem, com lançamento planejado para a “primeira semana de fevereiro”, como Oseary revelou no Twitter.

Mas Madonna e sua equipe ainda não descansaram. Apenas horas depois de Oseary falar com a Billboard no dia 23 de dezembro, outras 14 faixas das sessões de gravação de Rebel Heart vazaram, incluindo a suposta faixa de acusação a Lady Gaga (Two Steps Behind Me), que Guy Oseary negou ser sobre Gaga ou “qualquer pessoa específica”.
Eis um trecho da conversa com Guy no dia 23 de dezembro, incluindo detalhes sobre como Madonna e equipe correram pra deter os vazamentos. “Se todos soubessem o que foi preciso acontecer…foi um circo!”.

JÁ SE PASSARAM SEIS DIAS DESDE OS VAZAMENTOS. VOCÊ JÁ DORMIU?
Consegui dormir um pouco ontem. Tem sido uma loucura. E que ano louco, imenso!

ENTÃO O QUE EXATAMENTE ACONTECEU?
Então, veja bem… nossa música foi roubada. E, agora, temos uma investigação acontecendo, então levamos muito a sério. Duas canções vazaram algumas semanas atrás, e conseguimos contê-las. Fizemos tudo ao nosso alcance. É difícil conter um vazamento online. Daí veio a terça-feira (20) – parece que faz muito tempo –, mas foi na semana passada, quando li mensagens sobre o vazamento das canções. Tentamos conter o máximo que pudemos, mas chegou ao ponto de ser incontrolável. Já estava tudo lá, não dava pra controlar.

Portanto, Madonna estava determinada em agir imediatamente, no que lançamos o máximo de material finalizado que conseguimos. Conversamos muito, pois correr com tudo não fazia sentido. Mas ela estava determinada em não querer que as pessoas achassem que aquelas fossem as faixas finalizadas. E ela ficou arrasada, sabe? Arrasada e doente por alguém ter feito isso com ela e não dá-la a chance de dividir o produto final com todo mundo.

Pensamos em lançar Living For Love como uma canção pro Dia dos Namorados (14 de fevereiro nos EUA), e o álbum pro fim de abril. Falávamos sobre o mês de abril, então tudo aconteceu 4 meses e meio antes. Você sempre ouve esse papo uma semana antes ou duas… mas isto foi loucura. Assim, (o Vice-Presidente da Interscope) Steve Berman nos ajudou muito, já que também sabia as muitas razões pelas quais isso não fazia sentido. Mas ele apoiou Madonna e reuniu todo mundo para conseguir este feito. Daí, (o Vice-Presidente da Apple) Robert Kondrk nos ajudou muito também.

QUANDO VOCÊ SOUBE DA HORA CERTA PRA LANÇAR O MATERIAL NO ITUNES?
Não sabíamos de nada até a noite de sexta (19), que sequer daria certo. Havia uma chance de não ser tecnicamente possível, por ser tão em cima da hora. Normalmente, não seria o fim do mundo, mas pelo fato do iTunes interromper suas atividades (para as Festas), soubemos que deveria acontecer bem cedo ou só no dia 5 de janeiro. Não sabíamos. Daí, recebemos uma ligação às 20h30 com a confirmação. Ela estava rezando e nós torcemos.

Quando recebi a mensagem de que o lançamento estava funcionando, foi algo lento e certo. Daí, correu o mundo todo, no que levou um dia inteiro, até o domingo, pro álbum ser registrado. No sábado, 6 canções chegaram ao Top 10 quase em todo país do planeta. No domingo, quando o álbum foi finalmente registrado, era primeiro lugar em quase todo mundo, junto com as seis canções. Foi uma viagem maravilhosa. Todos queríamos que os vazamentos nunca tivessem acontecido, mas ficamos muito gratos por todos quererem ouvir as músicas. Se todos soubessem o que foi preciso acontecer…foi um circo!

AGORA QUE VOCÊ CONSEGUIU ESTE FEITO, O QUE VEM A SEGUIR?
Temos a filmagem do clipe em algum momento, e temos que planejar os próximos planos. Ela realmente quer promover o álbum, e se certificar de que nos reagrupemos. Ela já deu uma ou duas entrevistas… não houve muito tempo para explicações. Aprendi muito nos últimos anos, e era importante que as poucas canções que lançamos fossem compreendidas, já que foi tudo tão corrido.

COMO VOCÊS ESTÃO LIDANDO COM ISSO LEGALMENTE? VOCÊ TEM ALGUMA IDEIA DA FONTE?
Estamos falando de um criminoso. Havia fotos, vídeos, tudo que não deveria estar disponível por aí. Ela estava postando-as no Instagram, dizendo: “Ei, estou vendo isso pela primeira vez. Legal, muito obrigada”. Sabe, é novidade, aprendemos muito e entendemos de onde vinham os buracos. E estamos fazendo todo o possível. É de verdade. Muita dor, sabe, ver muito do seu trabalho particular sendo jogado pro universo porque alguém pode roubar e fazê-lo.

SERÁ QUE FOI COISA DE UM FÃ, SENTINDO QUE ESTAVA “PRESENTEANDO” A TODOS COM ESTE MATERIAL NÃO-LANÇADO?
Eles não presentearam ninguém. Não quero entrar em detalhes, mas tudo será revelado em algum momento.

“Trabalhar com Madonna foi casual e fresco”, diz Alicia Keys

Em entrevista ao site vibe.com, a extraordinária cantora e ativista Alicia Keys confirma seu trabalho no álbum sucessor do “MDNA” da rainha do pop, Madonna, ainda sem data de Lançamento.

VIBE: Como foi trabalhar com Madonna no novo álbum?
Alicia Keys: “Foi ótimo, eu estava neste estúdio numa reunião ou algo assim e ela estava trabalhando com Diplo e então falei com Madonna e eles disseram mais ou menos assim, “Alicia, talvez você possa tocar um pouco de piano nesta coisa. “Eu disse: tudo bem. Vou tentar. Se você não gostar, pode tirá-lo. Foi assim, bem casual e fresco.”

Novo álbum de Madonna: detalhe sobre “Heartbreak City”

madonna outtake novo album Heartbreak City 3

Foram revelados detalhes sobre uma nova faixa chamada Heartbreak City, que já foi modificada algumas vezes durante o processo criativo. Ela começou como uma balada ao piano, passando por uma levada dance, e, agora, se tornou um tipo diferente de balada. É mais comercial e soa como trilha-sonora de um filme sombrio, direto de uma história em quadrinhos. É uma nova Madonna, mesmo sendo a mesma Madonna de sempre. Mal dá pra perceber que foi produzida com Avicii.

Como noticiado pelo tabloide The Sun, em Heartbreak City Madonna fala sobre o fim de um relacionamento, mas não está claro se faz referência a Brahim Zaibat ou Guy Ritchie. “Você me fez em pedaços, sem o menor motivo. Você tinha alguns segredos que eu nunca soube. Agora, todos comentam e eu sou a última a saber”, canta Madonna.

A voz de Madonna está furiosa e muito forte! Definitivamente, você vai adorar, especialmente quando ela canta “Estou no meio da ‘Cidade da Mágoa’”. E, acima de tudo, não há efeitos de voz! Você também irá se impressionar com o côro, de alguma forma usado como um instrumento e que pode ser descrito como uma espécie de ópera.

Em Heartbreak City, é a primeira vez em que Madonna canta sobre arrependimento: “Eu amaldiçoo o dia em que nos conhecemos. Sua lembrança me assombra e eu queria esquecer”.

A faixa merece estar no álbum. Lembre-se de que tudo pode mudar e que a lista final de canções ainda não foi divulgada.

“Body Shop”, “Veni Vedi Vici” e “Bitch, I’m Madonna”

madonna-novo album 2014

O site Madonnarama confirmou que Madonna já gravou mais de 40 canções diferentes em vários estilos para o novo álbum. Ela trabalhou com muitos produtores e colaboradores, incluindo Avicii, Diplo, Natalia Kills, Martin Kierszenbaum, S1, Toby Gad, MoZella, MNEK e até Pharrell!

Eis alguns detalhes sobre as novas faixas:

BODY SHOP
Produced por Toby/Mozella/S1, Body Shop é uma faixa ótima! É uma canção agitada, com um ótimo som-base. É possível ouvir guitarras, palmas, um piano no fim e alguns sintetizadores.

Madonna lida com sexualidade aqui. Ela compara o corpo com um carro cheio de curvas, transmissões e ignição. Daí, ela pede ao cara que trabalha na Oficina de Corpos para cuidar dele durante a noite e fazer o que quiser. Ir à oficina nunca pareceu tão sedutor quanto na história de Madonna.

A canção inclui os versos: “Você comanda e eu sento em cima (…) Eu andaria pela escuridão da noite com você”. É uma canção muito sensual, com um som eletrônico/oriental e uma letra bacana, que merece mais do que os vocais filtrados utilizados na demo.

Lembre-se de que nenhuma lista final de canções foi decidida e que as afirmações são sobre as demos, não sobre o material finalizado.

BITCH, I’M MADONNA
Esta é uma canção cativante e divertida. Musicalmente, é um reflexo do trabalho do produtor Diplo, e pode até ser a “estranha canção” à qual ele se referiu em uma entrevista recente.

É simplesmente pura diversão, sem pretensões, com uma letra boba, sobre uma festa na piscina alucinante, até os vizinhos chamarem a polícia. É uma celebração, com letras que dizem: “Vamos com tudo ou vamos pra casa. Vamos a noite toda…porque eu sou uma vadia má”, sendo que parte da letra foi postada no Instagram pela própria Madonna.

VENI VEDI VICI
Em cada verso de Veni Vedi Vici, Madonna meio que canta um rap com a voz baixa, enquanto mantém o ritmo. É muito diferente do rap de American Life. O refrão traz o som do violão, com uma energia pop. Madonna também canta os vocais de apoio, cantando no início do rap até os versos.

Há também uma canção meio retrospectiva, com letras que abordam a carreira e algumas notícias sobre ela (dos últimos 30 anos). Veni Vedi Vici é uma canção pop/hip-hop reflexiva, na qual Madonna lembra dos anos passados como artista e como ser humano.

Nos versos, Madonna gentilmente canta um rap, usando títulos de canções passadas como letra. “Eu aproveitei um feriado…”, “Eu caí no ritmo…”, “A música salvou a minha vida…” e por aí vai, citando ou se referindo a Borderline, Vogue, Express Yourself, Justify My Love, Ray Of Light, Music e até mesmo The Power Of Goodbye.
Madonna conta: “Vim, vi e venci” (Veni Vedi Vici) em um refrão verdadeiramente pop, sendo, definitivamente, a melhor parte da canção.

Novo álbum de Madonna só em 2015

uomovogue madonna novo álbum cd 2015 diplo

Madonna tem trabalhado bastante no novo álbum – fato comprovado por tantas postagens no Instagram – e vem planejando o lançamento para 2015, de acordo com o seu empresário, Guy Oseary, para a revista Billboard.

Dentre seus companheiros de produção está o super produtor Diplo, que aparece em várias fotos da diva. Não se sabe ao certo se Diplo (que recentemente deu as caras na capa da revista Billboard) assumiu a produção do álbum, mas parece que ele é parte significativa do projeto.

Ao ser perguntado sobre Diplo e seu envolvimento no álbum, o empresário de Madonna, Guy Oseary, contou à Billboard: “Ela está no estúdio com ele, e vem se divertindo muito”, mas não deu mais dicas sobre o projeto. Que pena!

Na matéria de capa da revista Billboard, Diplo disse que esteve em várias sessões de estúdio com Madonna, e elas resultaram em, pelo menos, três “grandes sucessos”. “Sou muito sortudo porque ela tem sido compreensiva e aberta às minhas ideias. E é como ela diz: ‘Odeio dormir’”.

O próximo álbum de Madonna sairá pela gravadora Interscope Records e, de acordo com suas postagens no Instagram, ele virá com colaborações de TobyGad, MoZella, S1, Ariel Rechtshaid, Avicii, Natalia Kills e Martin Kierszenbaum. Na semana passada, Kierszenbaum – o diretor do selo Cherrytree Records – contou à Billboard que está “muito orgulhoso” do trabalho feito com Madonna em estúdio.

“Foi um verdadeiro privilégio compor com ela e Natalia Kills”, disse. “Concluímos sete canções. No início, era pra estarmos com ela por apenas alguns dias, mas nos estendemos a uma sessão de composições bem tradicional. Era apenas eu no piano, e Madonna e Natalia Kills por perto. Daí, compusemos canções no velho estilo, apenas tocando o piano e cantando. Não sei o que ela usará no álbum, mas foi uma tremenda honra”.

O último lançamento de Madonna, MDNA, de 2012, estreou no primeiro lugar da parada da Billboard – o quinto álbum de estúdio #1 consecutivo e o 8º primeiro lugar em geral.

Nesta semana, Madonna esteve com Diplo no Space Ibiza, em NY, e testou algumas faixas dançantes do novo álbum.

10 motivos que provam que Madonna virá com um ótimo álbum

2009 MTV Video Music Awards - Press Room

O amor de Madonna pelo Instagram nos permitiu vê-la de novas maneiras – uma orgulhosa mãe de quatro filhos, expert em limpeza, #putasemremorsos – mas, talvez, o melhor do fato da Rainha do Pop ter descoberto a câmera do iPhone é a quantidade de informação sobre o novo álbum que ela tem atirado. Vimos fotos em estúdio, folhas com letra de música e trechos de um coral gospel e de uma orquestra em ação… algo bem emocionante está acontecendo, o que é um alívio. Para muitos fãs, Madonna nunca precisou de um álbum fantástico mais do que agora.

A última vez em que ela recebeu aplausos universais foi em 2005, quando o álbum Confessions On A Dancefloor misturou versos viciantes, letras afiadas e a produção vibrante e animada de Stuart Price para criar um clássico do pop moderno. Desde então, entretanto, as obras musicais de Madonna têm sido um pouco mais imperfeitas. Os ritmos urbanos de Hard Candy (2008) e o pop technicolor de MDNA (2012) tiveram um resultado calmo. Entre os dois, veio a compilação desleixada Celebration. Algumas pessoas, inclusive, foram longe demais e disseram que a Rainha do Pop “havia perdido o talento”.

Claro que isso é besteira. Apesar dos álbuns terem perdido um pouco da qualidade desde Confessions (e, francamente, não há desculpa para Revolver), quando Madonna acerta, ninguém é melhor do que ela. Eis 10 faixas brilhantes que ela gravou desde 2005, que provam que Madonna ainda tem muito talento.

1. Give It 2 Me
Give It 2 Me, o segundo single de Hard Candy, mostra o melhor do trabalho de Madonna com Pharrell Williams. A faixa tem os ritmos hipnóticos de Blurred Lines, sem a letra estranha ou as caretas de Robin Thicke. Como não amar?

2. Devil Wouldn’t Recognise You
Não deixe a introdução lenta te enganar. Esta faixa é mais sombria do que muito material recente de Madonna. Co-produzida por Justin Timberlake, Devil mostra Madonna confrontando um amante cheio de lábia, que se encurralou. É uma das melhores letras escritas por ela em anos.

3. She’s Not Me
Escrita quase no fim do casamento com Guy Ritchie, o ritmo dos anos 80 traz Madonna alertando seu amante que nenhuma outra mulher jamais a vencerá. O melhor deste épico de seis minutos não é a atitude da Rainha do Pop, mas a inacreditável pausa na metade da faixa, que revela um pânico na suposta confiança de Madonna. Conforme ela repete She’s Not Me várias vezes, fica difícil dizer se ela o está desprezando, ou se convencendo.

4. Candy Shop
Sim, é nesta que Madonna rosna My sugar is raw, sticky and sweet (quase 20 vezes, na verdade). Pare um pouco, sacode a poeira e se recupere. Encontre batidas R&B com uma vaga linha de baixo e versos espalhados. Candy Shop pode ser “grudenta e doce”, mas é bem por causa da geleia que é.

5. Celebration (Benny Benassi Remix)
Apesar da versão na compilação Celebration soa um pouco antiquada, o remix em vídeo é justamente uma revelação. Uma produção implacável respira novamente e o destaque é, sem dúvidas, quando tudo se distancia antes do refrão, para terminar numa batida eufórica que simplesmente exige que você jogue os braços pra cima. Ouça no trabalho, por sua conta e risco!

6. I’m Addicted
Esta é a joia na coroa do MDNA. Evocando as batidas bizarras do início do Daft Punk, I’m Addicted é uma produção eletrônica cheia de tensas camadas musicais. No fim, a canção oscila e desmorona em um delírio permanente. O sucesso que ficou de fora.

7. Love Spent
Muitos geralmente reclamam que as letras de Madonna não são mais pessoais – uma crítica rebatida por Love Spent. Apontando o dedo para Guy Ritchie pelo término do casamento, Madonna oscila entre farpas (“Acho que se eu fosse seu tesouro, você teria me apreciado mais”) e o desejo de assumir o valor do dinheiro que ele, aparentemente, amava tanto. O fato da canção trazer ecos de Hung Up é apenas a cereja no topo de um bolo extremamente agridoce.

8. Some Girls
Ela começa com uma sirene de festa rave. Algo mais precisa ser dito? Bem, talvez o fato dela ser uma das canções mais irritáveis de Madonna, por ela citar arquétipos femininos antes de destruí-los com batidas eletrônicas e turvas. “Algumas garotas não são como eu” – não há verdade maior. Um básico hino de destruição!

9. Turn Up the Radio
Fora de contexto, o refrão poderia soar arrastado e sem inspiração, mas, quando parte desta faixa bem construída, Turn Up The Radio é irresistível. É uma fantasia de fuga doce e comovente: quando a vida estiver ruim, tudo dá certo se ligarmos o rádio. Isso, felizmente, é algo que sempre fizemos facilmente por ela.

10. Gang Bang
Estrondosa, ridícula e brilhante. E co-escrita por Mika! Só Madonna!

Madonna inaugura academia em Toronto e confirma novo álbum

madonna Hard Candy Fitness Toronto 2014Madonna esteve ontem em Toronto para inauguração de mais uma academia da rede “Hard Candy Fitness”. Vestida para impressionar, ela passou pelo tapete vermelho com 85 minutos de atraso, falou com os jornalistas e ainda comentou sobre seu novo álbum:

“Sim, já estamos trabalhando. Não me pergunte com quem. É um segredo.Top secret!”

Madonna disse que os artistas canadenses que mais escuta é Michael Bublé e Drake.

Madonna chegou acompanha de algumas pessoas que coordenam suas academias, incluindo sua personal trainer Nicole Winhoffer, 29, de Nova York, que desenvolveu o método de exercícios “Addicted to Sweat”, praticado por Madonna.

“Eu tenho que inspirá-la, manter sua mente ocupada. Ela fez todos os exercícios já conhecido pelo homem, então estou constantemente criando coisas novas para Madonna… O corpo dela é incrível, todo torneado e trabalhado.”

Hard Candy Fitness já tem estabelecimentos em Berlim e Roma, Sydney, Santiago, Cidade do México, Moscou e São Petersburgo.