Arquivo da categoria: Madonna no Brasil

Madonna visita favela de Vigário Geral no Rio

Como especulado, Madonna enfrentou o calor do Rio de Janeiro nesta sexta-feira, 7, durante visita à favela de Vigário Geral, na Zona Norte carioca.

Acompanhada do namorado, o dançarino Brahim Zaibat, e do filho, Rocco, a rainha do pop foi à sede do AfroReggae, onde assistiu a apresentações de música ao vivo, performances de malabarismo e acrobacia, além de percussão tocada pelos meninos da ONG.

Madonna “pirou” com a apresentação dos ritmistas ao som do samba afro com batidas de Olodum. Bateu palmas e fez valer sua condição de turista.

Quem mais se empolgou, no entanto, foi Rocco, que saiu da arquibancada e dançou com os meninos do AfroReggae.

A chegada de Madonna à favela foi cercada de polêmica. As laterais da Praça Tropicalismo, onde fica o palco do AfroReggae, foram fechadas, o que revoltou os moradores.

O motorista Luiz Antonio, que vive na comunidade, ficou inconformado: “Somos mais de 67 mil moradores, o espaço é para a nossa cultura e a gente está proibido de se aproximar. É revoltante demais”, disse ele.

Uma das crianças do AfroReggae contou que Madonna exigiu a interdição. “Ela pediu para fecharmos tudo, não queria fotos e disse que se estivesse aberto ela iria embora.”

Para acalmar os ânimos, Schneider Pinheiro, diretor do AfroReggae conversou com a população. “Sentimos muito pela comunidade, mas foi um pedido da segurança pessoal dela manter esse isolamento. A gente lamenta mesmo.”

Os moradores, no entanto, continuaram revoltados e rasgaram parte da lona com um canivete. Laisa, de 12 anos, alega ter sido agredida por um segurança de Madonna. “Minha filha só queria ver de longe a Madonna e acabou agredida. Ela tem anemia e nesse calor insistiu para vê-la”, disse Andressa, mãe de Laisa.

O diretor do AfroReggae assumiu ter perdido o controle da situação. “Quando soube da agressão, procurei um policial e vim até aqui fora para ver. É uma situação que fugiu ao nosso controle, pois se trata da segurança internacional dela”, afirmou Schneider.

Madonna MDNA Tour SP Soundcheck: fotos e vídeos

Madonna

Aqui está um vídeo exclusivo da passagem de som de Madonna no dia 05 de dezembro no estádio do Morumbi. Madonna ensaia “Express Yourself” + “Give All Your Luvin'”. Veja também algumas fotos.

Fotos (clique nas imagens para ampliá-las)

Veja a capa escolhida para o single de “Superstar”, de Madonna

Madonna escolheu a arte criada pela grafiteira Simone Sapienza, conhecida como Siss, para estampar a capa do single “Superstar”, que lança em dezembro no Brasil.

A obra de Siss foi criada para o “Projeto Keep Walking Brazil”, em parceria com o Museu da Imagem e do Som, e será a capa do single que será lançado na passagem da cantora pelo país, nos próximos dias 4 e 5 de dezembro.

“Não consigo acreditar nisso! A estética das heroínas faz parte do meu trabalho autoral. Sempre busco refletir sobre os milhões de papeis da mulher contemporânea e não podia imaginar que Madonna fosse gostar do trabalho!”, afirmou Siss ao saber da escolha. Na terça-feira (4), ela vai conhecer pessoalmente a cantora antes do show.

A arte foi escolhida entre 30 diferentes, feitas por artistas de rua selecionados pelo curador Binho Ribeiro para workshops no museu. As obras passaram por votação popular, na fanpage da marca no Facebook. Dessa votação preliminar, foi criada uma lista com as dez preferidas pelo público e, da lista, saiu a grande vencedora, escolhida pessoalmente por Madonna.

Leitores da Folha receberão grátis, encartado na Folha desta segunda-feira (3), uma cópia do single “Superstar”, faixa do disco “MDNA”, de Madonna. No CD, além da música original há uma versão remixada pelo DJ Eddie Amador.

Uma das faixas mais lentas do álbum lançado neste ano, que tem as mais agitadas “Give Me All Your Luvin'” e “Turn Up the Radio”, “Superstar” fala de um amor incondicional por figuras masculinas fortes e marcantes.

São personagens que vão desde políticos, como o presidente norte-americano Abraham Lincoln, a atletas, como Michael Jordan, passando por astros de cinema como Marlon Brando e James Dean –estrelas que a diva já evocou na clássica “Vogue”.

Conduzido pelo grafiteiro Binho Ribeiro e por Giovanni Bianco, diretor de arte e colaborador de Madonna, no Museu da Imagem e do Som, o processo selecionou 30 grafiteiros para desenvolverem propostas de ilustração para a capa do disco.

MDNA Tour, de Madonna, é a tour mais rentável de 2012

Madonna emplaca o n º 1 do ranking na contagem semanal de Tours pela quinta vez desde o lançamento de sua turnê MDNA que começou em maio.

Na última contagem da Billboard, Madonna ultrapassou U$234 milhões de dólares em 74 shows, e estimativas de que a tour faturará algo em torno de U$ 336.386 milhões com 90 shows, que já foi confirmado pela Billboard que a nova tour de Madonna fechará o ano como a MAIS RENTÁVEL DE 2012.

Turnê de Madonna de maior bilheteria até agora é Sticky & Sweet Tour (2008-2009) que gerou mais de US $ 407 milhões em vendas de ingressos e ocupa a quarta posição de todos os tempos na a contagem Boxscore.

Faturamento das tours de Madonna

1. Madonna – Sticky & Sweet: $408,000,000
2. Madonna – MDNA: $234,000,000 *
3. Madonna – Confessions: $195,000,000
4. Madonna – Re-Invention: $125,000,000
5. Madonna – Drowned Word: $76,800,000
6. Madonna – The Girlie Show: $70,000,000
7. Madonna – Blond Ambition Tour: $$60,000,000
8. Madonna – Who´s That Girl Tour: $25,000,000
9. Madonna – The Virgin Tour: $5,000,000

3 décadas de Madonna no Brasil. Veja o gráfico!

Madonna fecha a agenda de megaespetáculos do ano no domingo (2), no Parque dos Atletas, no Rio de Janeiro. Tudo é grandioso na turnê do disco MDNA: diante dos telões, uma passarela, elevadores e escadas interligam os palcos por onde a estrela saltita, ao lado de 22 bailarinos. Mais de 700 elementos compõem os figurinos usados, assinados por estilistas como Jean-Paul Gaultier e Alexander Wang.

Madonna esteve no Brasil em 2003 com a tour “The Girlie Show”, 2008 com a “Sticky & Sweet Tout” e agora, 2012, com a MDNA Tour. Veja a imagem.

Madonna

Chegada de Madonna no Brasil: fotos e números do show

Madonna, chegou às 11h40 desta sexta-feira ao Rio de Janeiro, onde fará show no sábado à noite. Ela desembarcou no Aeroporto Tom Jobim, na Ilha do Governador (zona norte), e seguiu para o Hotel Fasano, em Ipanema (zona sul), onde está hospedada.

Quando a cantora chegou ao hotel, às 12h30, em um comboio de seis veículos, ainda não havia concentração de fãs na porta do estabelecimento. Usando uma Range Rover preta, ela entrou na garagem subterrânea e não se manifestou durante toda a tarde. À noite, havia a possibilidade de que Madonna jantasse com o governador Sérgio Cabral (PMDB) ou fosse à festa de aniversário da apresentadora Angélica, mulher do também apresentador Luciano Huck. O casal é amigo da cantora. Mas ela não havia saído até as 19h, quando cerca de 50 fãs se aglomeravam na frente ao hotel.

Veja fotos da chegada de Madonna

Dois andares do Fasano foram fechados para receber Madonna e sua equipe. Como o grupo tem 272 integrantes, alguns estão hospedados no Copacabana Palace, também na zona sul. A cantora é acompanhada pelo namorado, o dançarino Brahim Zaibat, e pelos filhos Lourdes Maria, de 15 anos, Rocco, de 11, Mercy, de 7, e David, de 6 anos.

Além do show no Parque dos Atletas, na zona oeste do Rio, Madonna vai se apresentar em São Paulo, nas próximas terça e quarta-feira (04 e 05), e em Porto Alegre, no dia 9. O show de abertura no Rio e em São Paulo seria feito pelo cantor Will.I.Am, do Black Eyed Peas, mas ele recusou o convite alegando incompatibilidade de agenda.

A dupla Felguk, formada pelos DJs Gustavo Rozenthal, de 30 anos, e Felipe Lozinsky, de 26, vai abrir o show no Rio. Eles são autores do remix de “Celebration”, um dos hits da cantora, em 2009. O DJ Gui Borato fará a abertura dos shows em São Paulo. Não houve alteração em Porto Alegre, onde caberá ao DJ Fabrício Peçanha abrir o espetáculo.

Abertura do show do Rio de Janeiro

O duo nacional Felguk foi convidado para abrir o show de Madonna no Rio de Janeiro, no domingo, 2/12, e não foi nada por acaso. Os DJs e produtores Felipe e Gustavo já remixaram um dos hits da rainha do pop, em 2009. Antes de lançar a música ‘Celebration’, a própria Madonna ligou para o Felguk e pediu uma versão para a faixa.

A dupla, que está em um dos episódios do Vida de DJ é sinônimo de sucesso. Felipe e Gustavo são os únicos DJs brasileiros na lista dos 100 melhores da DJ MAG – publicação mais respeitada do gênero – em 2012. A dupla foi convidada por Madonna depois do cancelamento do Will.I.Am. “É uma deliciosa responsabilidade. Provavelmente tocaremos para o público mais numeroso da nossa carreira até hoje, em casa (Rio) e à convite da própria Madonna. Não tem como não ser incrível. Sabemos que grande parte do público não nos conhece e estará lá pela Madonna. Devemos seguir a nossa linha com outras referências musicais que a galera já conhece, sejam clássicos ou músicas que estão ‘bombando’ atualmente. ” Sobre Madonna, a dupla acrescentou que ela é uma artista muito ligada em música eletrônica e participa diretamente da escolha dos produtores e DJs para remixar seus singles.

Esquema de trânsito especial para o show de Madonna no RJ

Para atender o público que irá ao evento e minimizar os impactos no trânsito, será implantado esquema especial de tráfego na região.

A operação de trânsito contará com a participação de 250 agentes da Prefeitura, entre guardas municipais e controladores da CET-Rio, com 35 viaturas e 50 motocicletas, que trabalharão para manter a fluidez, coibir o estacionamento irregular, ordenar os cruzamentos, orientar pedestres e efetuar os bloqueios necessários.

Serão utilizados 25 painéis de mensagens variáveis que informarão sobre os as alterações no trânsito, as rotas alternativas, as restrições de estacionamento, além das condições do tráfego. Esses painéis passarão a divulgar mensagens de orientação  com antecedência, para informar  previamente os motoristas e moradores.

O Centro de Operações Rio – COR fará o monitoramento de toda a região impactada pelo evento, permitindo que técnicos da CET-Rio implantem ajustes na programação dos semáforos em função das condições do trânsito em cada momento.

Não serão criadas áreas de estacionamento para o evento, o que, aliado às interdições previstas, não se recomenda a utilização do automóvel particular.

A SEOP (Secretaria de Ordem Pública) atuará com 10 reboques baseados em pontos estratégicos e circulando na área de abrangência do evento com a finalidade de reprimir o estacionamento irregular e garantir a fluidez do tráfego. Os veículos estacionados irregularmente serão removidos para os depósitos públicos municipais. O efetivo contará com 472 agentes da SEOP e guardas municipais, sete comboios, 19 viaturas, duas tendas de gerenciamento e 17 barreiras de controle urbano.

Além disso, seis reboques (leves e pesados) da CET-Rio serão posicionados na região para desobstrução das vias em caso de enguiço de algum veículo.

Saiba mais sobre o show

Dilma e Madonna se encontrarão em Brasília

Madonna

O colunista que cobre celebridades no programa de Ana Maria Braga, Bruno Astuto, contou hoje a apresentadora que Madonna e a Presidenta Dilma irão mesmo se encontrar em Brasília, aproveitando assim a passagem da rainha do pop pelo Brasil para 4 shows na próxima semana. O assunto? Projetos sociais, é claro.

“Ela quer ver a Dilma e a presidente ofereceu duas datas para receber Madonna. Agora ela vai ter que escolher.  Estou contando em primeira mão aqui no programa”, revelou Bruno Astuto. Em relação ao show, ele opinou: “A turnê é boa, é divertida, não sei se é a melhor dela, mas é boa”.

Será que Dilma perderá a oportunidade de babar ovo novamente em Madonna como fez no carnaval em 2010?

Download: Entrevista de Madonna no Caldeirão do Huck

 “Estou emocionado”. Foi assim que Luciano Huck anunciou sua entrevista (que foi ao ar no Caldeirão neste sábado (24)), com Madonna, que aconteceu em Nova York após um show da cantora, nesta semana. À vontade, a estrela pop, que raramente dá entrevistas, recebeu o apresentador no banheiro do hotel e ao agradecer a oportunidade de recebê-lo, Madonna disse: “você é meu amigo, Luciano e eu amo o Brasil”, deixando-o envaidecido. A cantora também contou que adorou conhecer as favelas do Rio de Janeiro e São Paulo. “Diferente de tudo que já vi”, ressaltou.

A última vez que os dois se encontraram foi há quatro anos, quando a cantora se apresentou no País com sua turnê Sticky & Sweet. Simpática, Madonna falou sobre a expectativa de seus shows no Brasil. Disse que espera que não chova e, questionada se os fãs brasileiros poderão ter alguma surpresa em sua apresentação, – em Nova York ela dançou Gangnam Style com o cantor coreano Psy – a cantora respondeu: “eu sou a surpresa”.

Luciano Huck perguntou à estrela do que ela mais gosta no Brasil e ela respondeu que admira as favelas: “adorei conhecer as favelas do Rio de Janeiro e São Paulo, diferente de tudo que já vi. Nas favelas geralmente acontecem muitas loucuras, mas ao mesmo tempo existe beleza, um calor que não se encontra em lugar nenhum”, ressaltou a cantora, que espera futuramente fazer um documentário sobre as comunidades brasileiras.

A entrevista foi interrompida por Rocco, de 11 anos, filho mais novo da cantora, que foi avisar a mãe que iria dormir. Madonna disse que o menino a acompanha em todos os shows e que sente-se muito feliz em trabalhar com ele. “Meus filhos estão comigo em todos os lugares (ela também é mãe de Lourdes Maria, de 16). Uma das exigências que imponho a eles é que estejam sempre limpinhos”, afirmou Madonna, sendo interrompida novamente por seu chefe de cozinha pessoal, que lhe trouxe uma sopa. “Espero que você não se importe, mas estou morrendo de fome”, disse para Luciano Huck.

Apesar das tecnologias, Madonna prefere aquecer a voz ouvindo as orientações de sua preparadora em um toca fita cassete. O apresentador achou bacana a ideia e contou que um de seus filhos lhe pediu um toca discos de vinil. Ainda sobre o Brasil, ela contou que adora o Rio de Janeiro, caipirinha e samba. Questionada pelo apresentador o porquê não passaria férias no País, a estrela reclamou dos paparazzi: “mas acredito que se morasse lá, eles enjoariam de mim facilmente”.

No final da entrevista, Luciano agradeceu a oportunidade e aproveitou para elogiar Madonna como mulher forte, que luta por ideais, a comparando com Dilma Rousself. A cantora aproveitou e convidou a presidente do Brasil para assistir seu show. “Vai Dilma, seria inspirador para as mulheres que você fosse”. Madonna desembarca no Brasil semana que vem para três shows: Rio de Janeiro (01 de dezembro), São Paulo (04) e Porto Alegre (09).

DOWNLOAD ENTREVISTA COMPLETA (NÃO É A EDITADA DO CALDEIRÃO DO HUCK (90MB – MP4)

Crítica IstoÉ: A igreja digital de Madonna

Munida de sensualidade e provocação e apoiada na melhor tecnologia, a popstar traz ao Brasil a turnê “MNDA”, seu mais ambicioso espetáculo em 30 anos que alimenta o culto à sua própria personalidade

Ao som de sinos, uma imponente catedral é vista nos telões de altíssima definição. Na porta da igreja, uma cruz exibe a sigla MNDA onde comumente se leria INRI, a inscrição em latim que marcou a crucificação de Jesus Cristo. Dessa forma, ao mesmo tempo solene, blasfema e impactante, inicia-se o novo show de Madonna, que chega ao Brasil para quatro apresentações a partir do domingo 2. Sempre fascinada pela iconografia religiosa, a popstar de 54 anos faz do espetáculo o templo de seu próprio culto, marcando três décadas de uma carreira que sempre aponta para o alto – como as formas góticas reveladas pelas imagens. Sua maior turnê em extensão – até se encerrar, no dia 22 de dezembro, terá percorrido 28 países –, MDNA Tour é também a mais ambiciosa em recursos técnicos e visuais. No auge da cultura digital, os shows de rock se transformaram em verdadeiros circos tecnológicos. No caso de Madonna, a performance vai mais longe, já que transporta para o palco todas as possibilidades de um grande musical da Broadway. Ou seja: Madonna está mais uma vez mudando a paisagem do show biz.

“O que conseguimos aqui é o começo de algo novo, grande, que ainda não sabemos aonde vai chegar”, diz o consagrado diretor de vídeos Stefaan “Smasher” Desmedt, conhecido pelos concertos do U2.

Para alcançar esse trunfo, a popstar se cerca dos melhores profissionais do mercado. Ao surpreender os fãs mais uma vez com um visual de tirar o fôlego, a cantora contou com a criatividade de outros pesos-pesados. Seu palco mirabolante, cujos componentes se movem segundo um sofisticado sistema hidráulico e de automação, foi criado pelo maior set designer atual, o arquiteto inglês Mark Fisher. A “ilustração” das canções ficou a cargo da empresa canadense de arte digital Moment Factory, colaboradora habitual do Cirque du Soleil. Não bastasse essa parceria high tech, a direção geral do espetáculo está a cargo de Michel Laprise, do mesmo Cirque. Autor da parte gráfica, tendo participado da criação do vídeo para a música “Justify My Love” (momento em que Madonna dança com o seu atual namorado, o bailarino Brahim Zaibat, de 24 anos), o diretor de arte brasileiro Giovanni Bianco comenta o resultado: “‘MDNA’ é o show de Madonna que tem a melhor tecnologia de vídeo, com uma qualidade visual maravilhosa.”

Trata-se de mais um feito da equipe que concebeu a espetacular apresentação da cantora no Super Bowl, em fevereiro, cuja transmissão ao vivo atingiu a marca de 114 milhões de espectadores. “Nossa equipe concebeu imagens para 12 músicas, incluindo o primeiro ato inteiro e as últimas canções do show”, disse à ISTOÉ Johanna Marsal, produtora da Moment Factory. “Não são projeções, são vídeos exibidos no próprio telão, sem a necessidade de projetores.” Outra novidade revolucionária é o palco móvel. Desenvolvido pela empresa belga Tait, o seu piso é composto por cubos que se elevam, servindo de elevadores ou escadas para a cantora e os 22 bailarinos nas elaboradas coreografias. “São 36 cubos móveis de LED, que estão sempre mudando de posição, possibilitando múltiplas configurações”, diz Johanna. Tudo isso funciona também como pequenos telões. Para a canção “I’m a Sinner”, um dos momentos mais empolgantes da apresentação, os artistas gráficos fizeram os três conjuntos de cubos ganhar a forma de trens que viajam pelo interior da Índia, mostrada ao fundo. Madonna canta sobre um dos vagões enquanto os bailarinos “surfam” no teto do comboio. O efeito é fabuloso.

Além de se interessar pelo que existe de mais novo em termos de tecnologia, Madonna sabe que uma das formas de se manter atual é se alinhar às modas e tendências, sejam elas musicais, sejam comportamentais ou políticas. Se no lado musical ela deu uma guinada em direção à progressive house (créditos ao produtor italiano Benny Benassi, que deu o tom do CD “MNDA”, sigla que a artista criou para si), no plano das provocações (o seu verdadeiro elixir da juventude), a “Rainha do Pop” tem se voltado para o noticiário internacional. No decorrer da turnê, Madonna comprou briga na Rússia – ao apoiar o grupo Pussy Riot e defender o direito dos gays – e na França associou a deputada Marine Le Pen ao nazismo. No show de Nova York, fez um striptease durante a música “Like a Virgin” e pediu aos fãs que pagassem pela exibição – o dinheiro atirado ao palco foi direcionado às vítimas da tempestade Sandy. O gesto não amenizou as críticas por ela abrir o espetáculo como uma espécie de bond girl justiceira – os telões mostram jorros de sangue a cada tiro que dispara. Diante da violência atual no País, esse é o tipo de censura que não se poderá fazer à Madonna.

 

IstoÉ

MADONNA: o martelo sobre a vinda de Psy será batido nos próximos dias

Essa intenção já chegou aos ouvidos da produção brasileira da turnê de Madonna, que viu a ideia com bons olhos. O martelo sobre a vinda de Psy será batido nos próximos dias.

Madonna

Que Madonna surpreendeu a todos ao fazer uma performance de Gangnam Style com o rapper coreano PSY no palco do Madison Square Garden, em Nova York, nos Estados Unidos, na noite na última terça-feira, 13, no Madison Square Garden, não é surpresa.

A rainha do pop depois de reproduzir fielmente os passinhos de Gangnam Style, ainda fez um dueto pra lá se ousado com PSY na música “Music”, um de seus maiores hits. Muito empolgada, em uma das coreografias Madonna acabou deixando parte do bumbum à mostra, levando os fãs mais ainda ao delírio.

Ao final da apresentação de Madonna, em Nova York, o rapper multimídia Psy contou que foi convidado para vir ao Rio no Carnaval, desfilar para a escola de samba carioca Inocentes de Belford Roxo.

Madonna

Foi o suficiente para ela chamar o autor do hit ‘Gangnam Style’ para vir ao país participar dos shows que fará por aqui em dezembro. Ainda não está confirmado, e a produção de Madonna aqui no Brasil ainda estuda a possibilidade.

O hit, sucesso no mundo todo, também bomba por aqui e fecha o ano com quase 700 milhões de visualizações do Youtube, considerado o maior fenômeno musical de 2012.

Madonna tem agendadas quatro apresentações no país: dia 2 de dezembro no Rio; no dias 4 e 5 de dezembro em São Paulo; e dia 9 de dezembro em Porto Alegre.

Para quem não viu como foi, vídeos:

O apresentador Anderson Coorper comenta do show no Today Show (EUA)