Arquivo da tag: apresentação

Madonna e Stevie Wonder homenageam Prince nos Billboard Music Awards 2016

landscape-1463974370-hbz-madonna-stevie-wonder

O anúncio de que Madonna homenagearia Prince nos Billboard Music Awards causou muita controvérsia, compreensível até certo ponto. Afinal, Prince foi, provavelmente, o maior gênio da música da geração. Madonna tem vários talentos, mas os dons como musicista não estão no topo da lista.

Continue lendo Madonna e Stevie Wonder homenageam Prince nos Billboard Music Awards 2016

Produtor do Billboard Music Awards defende a escolha de Madonna pra homenagear Prince

prince-madonna-split

O produtor executivo dos Billboard Music Awards defendeu a decisão de ter Madonna homenageando Prince no domingo, fato que recebeu muitas críticas e, inclusive, deu origem a uma petição no site Change.org.

“Olha só, acho que todo mundo tem direito a uma opinião, mas digo que pra nós é uma honra e não poderíamos estar mais ansiosos de ter Madonna no show, em tributo a um amigo e parceiro dela”, disse Mark Bracco em entrevista à agência de notícias The Associated Press na última terça-feira (17). “Acho que será fantástico!”.

Continue lendo Produtor do Billboard Music Awards defende a escolha de Madonna pra homenagear Prince

Madonna tributo Guy Oseary fala sobre Prince

alx_montagem-prince-madonna_original

Conheci o Prince quando tinha 12 anos de idade. Pedi o autógrafo dele e ele escreveu “Com amor, Deus”.

As paredes do meu quarto tinham pôsteres do Prince. Eu morava em um apartamento de dois quartos com meu pai, e dava pra ver meus pôsteres da rua. Muitos, muitos anos depois, me reencontrei com ele e permanecemos amigos.

Continue lendo Madonna tributo Guy Oseary fala sobre Prince

LIVING FOR LOVE: Madonna pode se apresentar no THE VOICE

madonna rebel heart photoshoot

Crescem os rumores de que Madonna poderá se apresentar no programa inglês THE VOICE com seu novo single LIVING FOR LOVE. Porém, o programa terá que adaptar o palco para sua apresentação que inclui um coral de 12 pessoas e 10 bailarinos, além de um palco circular.

O problema é que o programa está tendo dificuldades para preparar tudo, já que Madonna é super exigente e quer fazer algo memorável.

Continue lendo LIVING FOR LOVE: Madonna pode se apresentar no THE VOICE

Assista a apresentação de Madonna com Miley Cyrus no Unplugged MTV

madonna-miley-cyrus-don´t tell me we can´t stop unplugged mtv 2014

Foi exibido na noite desta quarta-feira, 29, o Unplugged MTV de Miley Cyrus, e que contou com a participação da rainha do pop, Madonna. As duas dividiram o palco cantando os hits “Don’t Tell Me” e “We Can´t Stop”.

O especial será exibido pela MTV, no Brasil, no dia próximo dia 08 de fevereiro.

Madonna canta “Don’t Tell Me”, no Unplugged MTV de Miley Cyrus

madonna-miley-cyrus-unplugged-MTVMadonna gravou na noite desta terça-feira, 28, sua participação no Unplugged da cantora teen do momento, Miley Cyrus, e com muita língua de fora. As duas performaram um Um mash-up do hit de 2000 de Madonna, “Don’t Tell me”, com o hit de 2013 de miley, “We Can’t Stop”. Combinação perfeita.

“Hoje foi um dos melhores momentos da minha vida, cantar com Madonna? Foi muito fácil levantar da cama hoje. Certamente uma grande realização,” disse Miley em entrevista ao canal E!.

O Unplugged Miley Cirys MTV vai ao ar no canal americano na noite desta quarta-feira. A previsão é que o programa seja exibido na MTV Brasil no dia 6 de fevereiro, às 22 horas.

Alguns reviews da imprensa sobre a performance de Madonna na noite do Grammy

Alguns reviews da imprensa sobre performance de Madonna na noite do Grammy no último domingo 26.

MACKLEMORE & RYAN LEWIS, MADONNA, QUEEN LATIFAH

madonna - grammy 2014 - same love open your heart2O Grammy é o evento no qual artistas lutam para agradar a todos. Porém, apesar de saber muito bem que o tema “Casamento Gay” ainda provoca debates quentes pelo país, Macklemore & Ryan Lewis apresentaram Same Love com orgulho e compromisso, perante 33 casais gays e héteros. Não foi apenas uma performance, foi uma afirmação. Gay ou hétero, quem não gostaria de ter Madonna cantando Open Your Heart no casamento?
New York Post

Macklemore & Ryan Lewis — A dupla fez história com a performance do sucesso Same Love. Enquanto a autora do refrão, assumidamente gay, Mary Lambert, cantou a parte principal, 33 casais de verdade – alguns héteros, outros gays – trocaram alianças em um casamento diferente. Durante a cerimônia, a estrela Madonna trabalhou seu antigo sucesso Open Your Heart. Como antiga apoiadora dos direitos gays, ela foi muito apropriada.
New York Daily News

A multidão de casais trocou alianças ao mesmo tempo que a cantora os declarou casados, com Madonna trazendo seu clássico Open Your Heart. A ‘Material Girl’ vestiu um terno Ralph Lauren para a grande performance, depois de usar um dramático smoking preto no tapete.
Hollywood Reporter

Madonna pode até ser controversa às vezes, mas provou estar no lugar certo, ao usar um chapéu de caubói no Grammy deste ano, para cantar o sucesso Open Your Heart, no estilo gospel, como trilha sonora de 33 casamentos, ao vivo na arena.
Huffington Post UK

Mesmo não tendo ganhado nenhum Grammy, Lamar ganhou a noite – sua colaboração com Imagine Dragons foi eletrizante. A performance mais emocionante e mais chocante do que Queen Latifah e Madonna, com um visual curiosamente geriátrico, no meio de uma multidão de 33 casais gays e héteros. Foi um sentimento de alucinação em massa, mas os casamentos – uma conclusão à performance de Macklemore do hino gay Same Love – foram aparentemente legítimos.
Guardian

A performance, que aconteceu quase no fim do show, foi um dos momentos mais sentimentais da noite. “Esta canção fala de amor, não para alguns de nós, mas para todos nós”, disse Latifah antes de apresentar Macklemore e Lewis. Daí, o rapper revelou a faixa no estilo gospel, com uma atmosfera de igreja.
MTV

Macklemore & Ryan Lewis levaram seu sucesso emocionante Same Love a um novo patamar no último domingo, quando se uniram no palco para uma performance, juntamente com Mary Lambert, Queen Latifah e Madonna. Se esse time não fosse suficiente, 33 casais gays, lésbicos e héteros se casaram simultaneamente, sob o comando de Latifah. Katy Perry pegou um buquê, enquanto os recém-casados recebiam aplausos, e Keith Urban secava as lágrimas.
NBC

Uma colaboração lendária aconteceu no Grammy de 2014, ao ar do Staples Center em Los Angeles, no último domingo. O ícone pop Madonna subiu ao palco com os rappers Macklemore & Ryan Lewis, e a cantora Mary Lambert para cantar o hino de igualdade Same Love.
US Magazine

Madonna surpreendeu a multidão do Staples Center ao se unir a Macklemore & Ryan Lewis para uma apresentação emocionante de Same Love, que apresentou Queen Latifah casando 33 casais gays, héteros, jovens e velhos durante a música.
Forbes

E se não fosse suficiente para fazer nossos corações chorarem, lá veio ninguém menos do que Madonna para abençoar a cerimônia. A Poderosa M vestiu um terno todo branco e um chapéu de cauboi, parecendo o anjo mais andrógino do Paraíso, para cantar uma versão do clássico Open Your Heart, com o arranjo da marcha nupcial, enquanto um coral gospel fazia os vocais de fundo, antes de se unir a Lambert para um trecho de Same Love.
Queerty

O momento que parou a 56ª edição do Grammy foi o casamento ao vivo de 33 casais, gays e héteros, que se uniram durante uma performance de Same Love, o hino do casamento gay de Macklemore & Ryan Lewis. Queen Latifah oficializou a cerimônia, enquanto Madonna se uniu à multidão no palco para Same Love e um trecho de Open Your Heart. O momento marcou uma afirmação política para todos os presentes, além de ser uma causa com amplo apoio em toda a indústria do entretenimento.
Variety

Eles não vivem (só) de aplausos - O Globo

Madonna no Grammy 2014 cantando Open Your Heart e Same Love

A expectativa em torno da apresentação de Madonna na noite do Grammy era a mesma que sempre a envolve toda vez que decide sair de casa. Para os fãs, uma nova chance de vê-la em ação. Para os detratores, mais uma oportunidade para atacar os pontos fracos que ela dribla há 30 anos. Para a indústria, registradoras a tilintar, indiretamente.

Especulou-se muito como seria a apresentação, a aproximação com Beyoncé nas últimas semanas levantou possibilidades mirabolantes mas no final das contas ela fez uma participação no casamento coletivo que há muito já estava nos planos do rapper Macklemore em liderar. Por conta da faixa “Same love”, em que rapper levanta a bola do respeito às diferenças, ter se tornado um hino LGBT nos EUA, o rapaz de Seattle que se apresenta ao lado do produtor Ryan Lewis decidiu reunir os 30 casais para a tal cerimônia. Os casais que responderam ao chamado de Macklemore só souberam na última semana que tudo rolaria no Grammy e que teriam como cantora de casamento ninguém menos do que a diva herself.

A cena foi emocionante. Os primeiros versos de “Same love” já derretem os corações mais duros. LEIA A TRADUÇÃO DA LETRA AQUI. A apresentação de Queen Latifah deu o tom de que viria ali um verdadeiro manifesto político, em rede global, para incomodar de Putin aos presidentes africanos, religiosos tacanhos e conservadores defensores do ódio ao outro. “Música une as pessoas… vamos ouvir a música que diz “seja lá qual for o seu Deus, saiba que todos viemos do mesmo… livre-se do medo, porque debaixo dele tem o amor”, disse a cantora e atriz.

Ao fim da música de Macklemore, Queen Latifah voltou à cena e pediu que os casais trocassem alianças, os declarou casados. Foi quando Madonna entrou no palco, de roupa de cowboy branco, uma bengalinha afinada ao look mas certamente ainda funcionando como apoio por conta do problema no tornozelo nas férias (até semana passada ela estava com muletas) de fim de ano. A diva cantou trechos de “Open your heart” e encerrou com versos de “Same love”.

Corta para a audiência. Keith Urban tem lágrimas escorrendo, bem como Katy Perry, que sorria largamente de tão emocionada. Beyoncé tentando ver alguma coisa que Jay Z apontava, e muita, muita gente comovida. Entre os casais, a própria irmã do Macklemore, que se casou com o namorado.

E qual a importância disso hoje em dia? Dá uma geral no noticiário que você vai entender. O mundo está andando para trás e isso não é uma coisa boa. Como já dito antes, é crime ser gay em alguns paises, como na Rússia e em alguns países africanos. Até na França já se sente um movimento forte de homofobia. No Brasil, as estatísticas são assustadoras. O mundo está intolerante e a intolerância está, assustadoramente se tornando normal em alguns segmentos. Os artistas sensíveis estão percebendo isso e tentando fazer alguma coisa a respeito. Alguns deles, felizmente, não vivem apenas para o aplauso.

DVD Ripado : Mariah Carey

Free-willy está de volta ! Não falo da famosa baleia de Michael Jackson, e sim de Mariah Carey, como é chamada por muitos. Carey acabou de lançar um novo DVD chamado “The Adventures Of Mimi” – tour que excurcionou por Canadá, Estados Unidos e Japão.

Vestida com um tapa-sexo e um mini-bustiê, o novo video mostra a decadência real de uma cantora que um dia foi magra, cantou bem e vendeu muito. “Adventures” é o exagero em forma de um M enorme no palco e que mais lembra um palco de alguma premiação estilo “Video Music Awards” e coisas do tipo; as músicas seguem no mesmo estilo de sempre, ou seja, sem inovação instrumental e novos arranjos, com a diferença de que Mariah não atinge nenhuma nota alta com exceção de seus gritinhos (isso continua intacto). Será que posso culpar o enfadonho show ao excesso de peso apresentado pela cantora em seu micro-short ?

A música-intro ficou com “It´s Like That”, seguida por “Heartbreaker”, “Dreamlover” e “My All” (aliás, “My All”segue a mesma apresentação do Divas Live, de 1998 (eu acho), com exceção que neste DVD ela não conseguiu cantar a música em todo seu potencial). O resto é a mesma de sempre: um coral em “Fly Like A Bird” (single-airplay do bem-sucedido álbum “The Emancipation Of Mimi), um dueto com o grupo “Boys II Men” em “One Sweet Day”, a famosa e incansável “Hero” (não há ninguém na face da terra que não conhece esta música – seu maior hit provavelmente) e o balada “We Belong Together”.

Enfim, como não há muito o que escrever sobre este show, ripei o áudio do DVD e está aqui para download em duas partes (54 reais mal investidos).

Track-listing:

1. “It’s Like That”
2. “Heartbreaker”
3. “Dream Lover”
4. “My All”
5. “Shake It Off”
6. “Vision of Love”
7. “Fly Like a Bird”
8. “I’ll Be There”
9. “Fantasy”
10. “Don’t Forget About Us”
11. “Always Be My Baby”
12. “Honey”
13. “I Wish you Knew”
14. “Can’t Let You Go”
15. “One Sweet Day”
16. “Hero”
17. “Make It Happen”
18. “We Belong Together”
19. “Butterfly Reprise”

A foto da capa do DVD é photoshop, of course !